Criança de 5 anos é amarrada e deixada ao sol de 45ºC por não fazer os trabalhos de casa

Como castigo por recusar-se a fazer os trabalhos de casa, uma criança de 5 anos foi amarrada pelos pés e pelas mãos e deixada ao sol, debaixo de 45º C de temperatura.

Criança de 5 anos é amarrada e deixada ao sol de 45ºC por não fazer os trabalhos de casa

Como castigo por recusar-se a fazer os trabalhos de casa, uma criança de 5 anos foi amarrada pelos pés e pelas mãos e deixada ao sol, debaixo de 45º C de temperatura.

Um vídeo divulgado nas redes sociais revelou uma prática de tortura disfarçada como “disciplina”. Uma criança de 5 anos foi amarrada pelos pés e pelas mãos e deixada num terraço para que fosse exposta ao sol, a uma temperatura de 45ºC. O caso, ocorrido em Deli, na Índia, foi uma forma de “punição” dada pela mãe da vítima. Durante 10 minutos, a menina permaneceu aos gritos, até que o avô a libertou. O pai da vítima, que não estava em casa durante o incidente, denunciou a situação à Polícia.

Para ler depois
O que acontece a uma criança esquecida num carro [vídeo]
Num carro estacionado com os vidros fechados, a temperatura interna sobe 10 graus em apenas 5 minutos. Imagine o que é deixar uma criança fechada na sua viatura nestas condições (… continue a ler aqui)

O homem, um alfaiate de 39 anos, regressou a casa depois de ter deixado a criança e o irmão mais velho, de 11 anos, com a esposa. Depois de confrontar a mulher, ela explicou-lhe que a punição deveu à recusa da filha em fazer os trabalhos de casa. Segundo o alfaiate, a mulher perdeu a cabeça com a situação e decidiu que seria adequado castigar a filha com uma forma de tortura que pode ocasionar diversos danos à saúde a curto e longo prazo.

O homem afirmou que repreendeu a esposa, no momento em que chegou e no dia seguinte, quando lhe foi enviado o vídeo que registou o sofrimento da filha. O alfaiate também afirmou que o vídeo foi gravado por uma criança vizinha. Durante a gravação, ouve-se o rapaz a gritar “está muito quente lá fora”, enquanto a menina se contorcia de dores. O rapaz também declara que foi a mãe da vítima que a amarrou e a largou no terraço.

O caso chegou às autoridades depois de o vídeo se ter tornado viral nas redes sociais, dois dias após o incidente. Foi identificado que o ocorrido se deu na vila de Khajoori Khas e o endereço dos envolvidos foi encontrado. Um grupo de policias foi até o local para questionar os pais. O alfaiate explicou o ocorrido, nos termos descritos anteriormente, mas a mãe ainda não foi interrogada. Sanjay Sain, oficial da polícia de Deli, declarou que já foi aberto inquérito ao caso e que “medidas legais serão tomadas” depois de a investigação ser concluída.

Impala Instagram


RELACIONADOS