Criança de 9 anos luta contra cancro terminal para conseguir conhecer irmã

«Não pensámos que ele fosse aguentar tanto tempo, mas ele estava determinado em conhecer a Millie», explicou a mãe do menino

Criança de 9 anos luta contra cancro terminal para conseguir conhecer irmã

Criança de 9 anos luta contra cancro terminal para conseguir conhecer irmã

«Não pensámos que ele fosse aguentar tanto tempo, mas ele estava determinado em conhecer a Millie», explicou a mãe do menino

Bailey, criança britânica de nove anos, lutou contra um cancro terminal até conhecer a irmã. Após batalhar contra a doença, morreu um mês depois de a irmã Millie nascer. «Não pensámos que ele fosse aguentar tanto tempo [esteve 15 meses doente], mas estava determinado em conhecer a irmã. Abraçou a irmã e fez tudo o que um irmão mais velho faria – mudou-lhe as fraldas, deu-lhe banho, cantou para ela», conta ao New York Post Rachel, mãe das crianças.

LEIA DEPOIS
Mulher cai em pocilga e é comida viva pelos porcos

Médicos não acreditavam que o menino conseguisse sobreviver ao cancro tanto tempo

Criança de 9 anos luta contra cancro terminal para conseguir conhecer irmã
Antes de partir, Bailey pediu para que não chorassem muito… «Só durante 20 minutos. Têm de cuidar do Riley e da Millie»

Os próprios médicos não acreditavam que o menino «conseguisse sobreviver» tanto tempo. «Diziam que ele não ia aguentar até ao nascimento. Mas aguentou. Depois de conhecê-la, começou a piorar muito depressa. Estava a desaparecer», acrescenta o pai, Lee. Antes de morrer, Bailey pediu aos pais que todas as pessoas que fossem ao funeral estivessem mascaradas de super-heróis. E que não chorassem muito… «Só podem chorar durante 20 minutos. Têm de cuidar do Riley [irmão de seis anos] e da Millie.»

Bailey foi diagnosticado com Linfoma não Hodgkin no verão de 2016

Bailey foi diagnosticado com Linfoma de Hodgkin. Segundo os pais, a doença já se encontrava num estado muito avançado, estando o linfoma presente nas glândulas de ambos os lados do diafragma, no tórax e no abdómen. Depois de realizar várias sessões de quimioterapia, a criança entrou em remissão. No entanto, pouco tempo de depois teve uma grande recaída. Acabou por morrer.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para quinta-feira, 21 de novembro
Sem-abrigo assassinada a tiro após pedir esmola a um homem [vídeo +18]

Impala Instagram


RELACIONADOS