Criança Borboleta morreu aos 17 anos [vídeo]

Jonathan Pitre, conhecido como a Criança Borboleta, morreu aos 17 anos. O jovem padecia de doença rara que lhe afetava a pele do corpo.

Jonathan Pitre, conhecido como Criança Borboleta, morreu aos 17 anos. O jovem padecia de doença rara que lhe afetava a pele do corpo. A pele dele era tão frágil que podia partir-se como a asa de uma borboleta.

O jovem nunca soube o que era viver sem epidermólisebolhosa, doença hereditária que provoca bolhas e feridas no corpo. Ao longo do seu crescimento, a comunicação social acompanhou a luta do jovem e da sua família.

LEIA MAIS: Criança agredida com uma cadeira por colegas em sala de aula [vídeo]

A mãe tinha de lhe besuntar o corpo com creme durante várias horas. O ritual servia apenas para aliviar as dores do menino e evitar novas lesões.

A infância da Criança Borboleta foi marcada por várias cirurgias e tratamentos com o intuito de lhe melhorar a qualidade de vida. Morreu num hospital em Minnesota, nos EUA, onde estava internado para fazer uma terapia experimental.

A mãe de Jonathan publicou uma mensagem emocionante nas redes sociais para homenagear o filho. «A história de Jonathan é conhecida pelo público há alguns anos.

A Criança Borboleta foi figura assídua de campanhas de sensibilização para doenças raras. Foi, por isso, homenageado pelo presidente canadiano

«O meu filho convidou pessoas para a sua vida e para a sua luta diária contra a doença que ele tornou conhecida para o maior número de pessoas, a epidermólisebolhosa. Estou muito orgulhosa do meu menino», despede-se.

Natural do Canadá, Jonathan Pitre foi figura assídua de campanhas de sensibilização para doenças raras. Foi, por isso, homenageado pelo presidente canadiano, Justin Trudeau.

LEIA MAIS: Mulher admite ter matado filho de 18 meses atirando-o de um sexto andar

O responsável usou a rede social Twitter para sublinhar a coragem que demonstrou ao longo da vida. «Jonathan Pitre foi um herói em todos os sentidos da palavra. Um lutador corajoso e determinado que persistiu frente a cada desafio, e que inspirou muita gente.»

A DEBRA Canadá, que ajuda famílias que vivem o mesmo drama de Jonathan, confirmou a notícia à CBC. «Todos os nossos membros da DEBRA Canadá estão profundamente entristecidos pela perda do nosso amado embaixador. Jonathan, a Criança Borboleta, lutou e foi extraordinário no seu papel como embaixador da doença.»

LEIA MAIS: Polícia pede ajuda para identificar assaltante que agrediu brutalmente idosa [vídeo]


RELACIONADOS