Covid-19: Reino Unido regista 799 mortes e 10.625 novas infeções

O Reino Unido contabilizou 799 mortes e 10.625 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com dados divulgados hoje pelo Governo britânico.

Covid-19: Reino Unido regista 799 mortes e 10.625 novas infeções

Covid-19: Reino Unido regista 799 mortes e 10.625 novas infeções

O Reino Unido contabilizou 799 mortes e 10.625 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com dados divulgados hoje pelo Governo britânico.

Apesar de as mortes notificadas hoje serem superiores às 230 da véspera, a média do período entre 10 e 16 de fevereiro está em 620, uma redução de 25,6% relativamente aos sete dias anteriores.

Os valores relativos ao fim de semana são sistematicamente mais baixos devido ao atraso no processamento administrativo das ocorrências.

No total, até agora morreram no Reino Unido 118.195 pessoas de casos confirmados, mas o número sobe para 129.498 se forem somados os casos cujas certidões de óbito fazem referência ao novo coronavírus como fator contributivo.

Também o número de infeções desceu 27,8% entre 10 e 16 de fevereiro, relativamente aos sete dias anteriores, para uma média de 12.331 casos.

No domingo, data dos dados mais recentes disponíveis, estavam hospitalizadas 21.001 pessoas, das quais 2.805 com auxílio de ventilador, indicadores também em tendência de queda desde meados de janeiro.

O instituto nacional de estatísticas britânico (Office for National Statistics) acredita que “os efeitos dos programas de vacinação do Reino Unido começam a ser visíveis” porque descobriu que 41% das pessoas com mais de 80 anos em Inglaterra desenvolveram anticorpos contra a covid-19.

O mesmo estudo, realizado entre 05 de janeiro e 01 de fevereiro, estima que 9,3 milhões de pessoas no Reino Unido, quase 18% de todos os maiores de 16 anos no país, desenvolveram anticorpos contra a doença como resultado de terem sido infetados ou vacinados.

Até hoje, 15.576.107 pessoas receberam a primeira dose de uma vacina contra o novo coronavírus, das quais 546.165 pessoas também receberam uma segunda dose, a qual é administrada com um intervalo de até 12 semanas.

Depois de vacinados todos os maiores de 70 anos e outros grupos prioritários, o programa está a avançar para os maiores de 65 anos e pessoas com problemas de saúde de risco.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.408.243 mortos no mundo, resultantes de mais de 109 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 15.522 pessoas dos 788.561 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

 

Impala Instagram


RELACIONADOS