Covid-19: Angola atinge mil casos e bate recorde diário com seis mortes

Angola acumula já mil infeções por covid-19, com 50 novos casos registados nas últimas 24 horas, além de seis óbitos, o maior número de sempre, elevando o total para 47 mortos, segundo dados oficiais.

Covid-19: Angola atinge mil casos e bate recorde diário com seis mortes

Covid-19: Angola atinge mil casos e bate recorde diário com seis mortes

Angola acumula já mil infeções por covid-19, com 50 novos casos registados nas últimas 24 horas, além de seis óbitos, o maior número de sempre, elevando o total para 47 mortos, segundo dados oficiais.

O balanço epidemiológico foi hoje apresentado pelo secretário de Estado da Saúde Pública, Franco Mufinda.

Entre os 50 casos, com idades entre 2 e 73 anos, 38 são do sexo masculino e 12 feminino.

Entre estes, 49 foram registados em Luanda e um no Bengo, província que se junta agora às que já tinham casos identificados (Luanda, Cuanza Norte, Cuanza Sul). Trata-se de uma cidadã angolana de 63 anos, sendo considerado um caso importado de Luanda.

Os seis óbitos são relativos a três mulheres e três homens com idades entre 33 e 67 anos.

As autoridades sanitárias angolanas anunciaram também a recuperação de 24 pessoas.

O acumulado de infeções chega agora a mil (mais 50), dos quais 47 óbitos (mais seis), 687 ativos (mais 20) e 266 recuperados.

Entre os ativos, 15 estão em estado grave e oito em estado critico, com ventilação mecânica invasiva, dos quais dois precisam de hemodiálise.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 654 mil mortos.

Em África, há 18.160 mortos confirmados em mais de 859 mil infetados em 54 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia naquele continente.

Entre os países africanos que têm o português como língua oficial, a Guiné Equatorial lidera em número de infeções e de mortos (2.350 casos e 51 mortos), seguida de Cabo Verde (2.354 casos e 22 mortos), Guiné-Bissau (1.981 casos e 26 mortos), Moçambique (1.720 casos e 11 mortos), Angola (1.000 infetados e 47 mortos) e São Tomé e Príncipe (749 casos e 14 mortos). 

 

RCR // VM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS