Covid-19: Angola anuncia mais 77 casos e 17 passageiros em 7.248 testaram positivo

As autoridades de saúde angolanas reportaram hoje mais 77 casos de covid-19 e anunciaram 17 casos positivos entre os 7.248 passageiros que desembarcaram em Luanda desde 16 de janeiro, nenhum dos quais português.

Covid-19: Angola anuncia mais 77 casos e 17 passageiros em 7.248 testaram positivo

Covid-19: Angola anuncia mais 77 casos e 17 passageiros em 7.248 testaram positivo

As autoridades de saúde angolanas reportaram hoje mais 77 casos de covid-19 e anunciaram 17 casos positivos entre os 7.248 passageiros que desembarcaram em Luanda desde 16 de janeiro, nenhum dos quais português.

Os novos casos verificaram-se em Luanda (28), Cabinda (23), Benguela (18), Zaire (3), Bié (2), Moxico (1), Cuanza Sul (1) e Huambo (1), adiantou o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda.

O mesmo responsável disse que se trata de 52 pessoas de sexo masculino e 25 do sexo feminino com idades entre 1 e 76 anos

Os dois óbitos, registados em Luanda e Huambo, são de dois angolanos de 45 e 76 anos.

Angola soma desde o início da pandemia 19.476 casos, dos quais 1.688 estão ativos, incluindo três em estado crítico e cinco graves, 17.327 recuperaram e 461 mortes.

Foram analisadas nas últimas 24 horas 826 amostras num total de 351.648, com uma taxa de positividade de 5,5%.

Desde o dia 16, foram testados no Aeroporto 04 de Fevereiro 7.248 passageiros dos quais 17 com resultados positivos, com idades entre 5 e 91 anos, provenientes da África do Sul (1), Alemanha (2), Brasil (2), Dubai (4), França (1) e Portugal (7) de várias nacionalidades: oito angolanos, três brasileiros, dois nigerianos, um francês, um sul-africano, um britânico e um israelita.

Angola suspendeu os voos diretos com Portugal, Brasil e África do Sul no domingo, mas outras companhias como a Air France, Emirates ou Lufthansa continuam a operar.

O país exige um teste RT-PCR com resultado negativo realizado até 72 horas antes do embarque a todos os viajantes e obriga, desde 16 de janeiro, à realização de um teste pós-desembarque (antigénio).

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.129.368 mortos resultantes de mais de 99,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

 

RCR // LFS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS