Bombeira morre atropelada ao prestar auxílio a vítimas de acidente

Catarina Pedro, bombeira da corporação de Carnaxide, de 31 anos, morreu neste sábado, 3 de julho, depois de tentar auxiliar duas pessoas que tinham sofrido um acidente na A5.

Bombeira morre atropelada ao prestar auxílio a vítimas de acidente

Bombeira morre atropelada ao prestar auxílio a vítimas de acidente

Catarina Pedro, bombeira da corporação de Carnaxide, de 31 anos, morreu neste sábado, 3 de julho, depois de tentar auxiliar duas pessoas que tinham sofrido um acidente na A5.

Catarina Pedro, bombeira da corporação de Carnaxide, de 31 anos, morreu neste sábado, 3 de julho, depois de tentar auxiliar duas pessoas que tinham sofrido um acidente na A5. Foi quando saiu do carro onde seguia com os dois filhos menores para prestar socorro às vítimas, que foi atropelada por uma segunda viatura que abalroou ainda o carro onde estavam os filhos da bombeira. Os menores ficaram com ferimentos ligeiros.

Tal como escreve o CM, o primeiro acidente, que envolveu um carro, ocorreu junto à saída para Linda-a-Velha, no sentido Lisboa-Cascais, em Oeiras, confirmou a GNR. A corporação de Carnaxide, chegada ao local, após alerta para um acidente, reconheceu os menores. A mulher era colega dos bombeiros que foram acionados para o local. Os feridos, dois do primeiro acidente e os dois filhos da bombeira, foram transportados ao hospital pelo INEM. As vias do meio e da direita foram cortadas para proceder às operações, originando longas filas de trânsito. O alerta foi dado às 21h12.

LEIA AINDA
INEM recebeu menos chamadas de emergência em 2020 devido à pandemia
Mulher morre após ser projetada contra rochas durante caminhada
A vítima mortal foi projetada para as rochas, junto ao mar. Entrou em paragem cardiorrespiratória e as manobras de reanimação não tiveram sucesso. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS