Autarca de Cernache do Bonjardim diz que houve “três fogos à mesma hora”

A presidente da União de Freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais, diz que deflagraram três incêndios “à mesma hora” naquela autarquia do município da Sertã.

Autarca de Cernache do Bonjardim diz que houve

Autarca de Cernache do Bonjardim diz que houve “três fogos à mesma hora”

A presidente da União de Freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais, diz que deflagraram três incêndios “à mesma hora” naquela autarquia do município da Sertã.

Castelo Branco, 20 jul 2019 (Lusa) – A presidente da União de Freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais, diz que deflagraram três incêndios “à mesma hora” naquela autarquia do município da Sertã, um dos quais se mantém ativo desde o início da tarde.

Em declarações à Lusa, cerca das 21:30, a autarca Filomena Bernardo frisou que no incêndio da Sertã, que eclodiu numa localidade da zona de Palhais, “foi consumido bastante pinhal, mas aparentemente não atingiu nenhuma casa” e foi potenciado por uma frente de chamas vinda do concelho vizinho de Vila de Rei, que entrou na sua freguesia na povoação de Ereira e se estendeu até à localidade de Casal do Diabo.

“Agora aqui está mais calmo, mas ainda não está controlado. As pessoas dizem que limparam as faixas de segurança à volta das casas, mas a verdade é que continua a arder”, ilustrou Filomena Bernardo.

“Para quem está a ver o fogo a chegar perto de casa um minuto é uma hora, mas os bombeiros não podem ir a voar. Mas as pessoas ficam muito nervosas e dizem que os meios continuam a ser poucos”, acrescentou.

Filomena Bernardo frisou que ao longo da tarde de hoje “houve muita pressão” na sua freguesia devido à proximidade das chamas às habitações, pressão essa que também afetou a corporação de bombeiros local, que viu duas das suas viaturas envolvidas num acidente rodoviário, que resultou em dois bombeiros feridos sem gravidade, revelou a autarca.

“Um jipe que ia atestar de água, numa curva bateu contra um carro de água da mesma corporação e dois bombeiros tiveram ferimentos ligeiros”, disse Filomena Bernardo.

De acordo com a página internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), pelas 22:30 três grandes incêndios estavam ativos no distrito de Castelo Branco, dois no concelho da Sertã e um no concelho de Vila de Rei, que já se estendeu ao município de Mação, no distrito de Santarém, estando a ser combatidos por quase 900 operacionais e mais de 270 viaturas.

Em Vila de Rei e Mação estão envolvidos no combate às chamas 521 bombeiros, apoiados por 162 viaturas, e na Sertã, no incêndio que começou em Palhais, o dispositivo operacional envolve 267 bombeiros e 83 viaturas.

Um terceiro incêndio, que surgiu às 16:16, na freguesia de Várzea dos Cavaleiros, igualmente na Sertã, também se mantém ativo, estando a ser combatido por 96 bombeiros, apoiados por 28 viaturas.

JLS // TDI

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS