Austrália. Helicópteros lançam quilos de cenouras e batatas para alimentar animais em zonas ardidas

O dia de 18 de dezembro último foi o mais quente de sempre, com uma média nacional de temperaturas máximas de 41,9 graus. A vaga de incêndios no país já fez 27 vítimas mortais.

Austrália. Helicópteros lançam quilos de cenouras e batatas para alimentar animais em zonas ardidas

Austrália. Helicópteros lançam quilos de cenouras e batatas para alimentar animais em zonas ardidas

O dia de 18 de dezembro último foi o mais quente de sempre, com uma média nacional de temperaturas máximas de 41,9 graus. A vaga de incêndios no país já fez 27 vítimas mortais.

As autoridades de Nova Gales do Sul, Austrália, aproveitaram a descida das temperaturas para lançar, com recurso a helicópteros, centenas de quilos de cenouras e batatas doces para alimentar os animais afetados pelos incêndios.

LEIA DEPOIS

Portugueses entregam toneladas de alimentos e água a vítimas dos fogos 

Cerca de 500 mil animais selvagens morreram nos incêndios florestais que devastam a Austrália desde setembro. Entre eles, quase um terço da população de coalas em Nova Gales do Sul, o seu habitat principal, segundo ecologistas da Universidade de Sidney. As chamas já destruíram mais de 4 milhões de hectares no país. As autoridades australianas acreditam que mais de 480 mil mamíferos, aves e répteis foram vítimas fatais do fogo que atinge o território.

Os fogos já destruíram uma zona do tamanho da Coreia do Sul ou de Portugal. O ano de 2019 foi o mais quente e o mais seco na Austrália desde que existem dados. O dia de 18 de dezembro último foi o mais quente de sempre, com uma média nacional de temperaturas máximas de 41,9 graus. A vaga de incêndios no país já fez 27 vítimas mortais.

Texto: Jéssica dos Santos com Lusa

LEIA MAIS

Novos veículos a gasóleo poluem mil vezes mais

Impala Instagram


RELACIONADOS