Massacre no Brasil | Atirador matou o outro e depois suicidou-se

Massacre no Brasil | Atirador matou o outro e depois suicidou-se

Um atirador matou o outro e depois suicidou-se. De acordo com a Polícia Civil, tudo aconteceu conforme o plano inicial dos dois jovens que, ontem, mataram 8 pessoas numa escola em Suzano, São Paulo, no Brasil.

Um atirador matou o outro e depois suicidou-se. De acordo com a Polícia Civil, tudo aconteceu conforme o plano inicial dos dois jovens que, ontem, mataram 8 pessoas numa escola em Suzano, São Paulo, no Brasil.

Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, entraram ontem na escola Professor Raul Brasil, em São Paulo, e mataram 8 pessoas a tiro, cinco delas estudantes, duas funcionárias e o dono de um stand de automóveis que era tio de Guilherme. Os dois rapazes estavam a planear um massacre inspirado nos que aconteciam nos Estados Unidos.

De acordo com o G1, depois de matarem 8 pessoas, Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, matou Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, e de seguida, suicidou-se. Conforme avançam as autoridades, este foi sempre o plano inicial.

LEIA MAIS

Sandra Felgueiras acusa polícias de lhe mentirem sobre o desaparecimento de Maddie

Previsão do tempo para sexta-feira

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Massacre no Brasil | Atirador matou o outro e depois suicidou-se

Um atirador matou o outro e depois suicidou-se. De acordo com a Polícia Civil, tudo aconteceu conforme o plano inicial dos dois jovens que, ontem, mataram 8 pessoas numa escola em Suzano, São Paulo, no Brasil.