Apanhado a fotografar jovem à socapa finge desmaiar para não ir preso [vídeo]

Para evitar ser detido depois de apanhado a tirar fotografias a uma jovem, fingiu desmaiar.

Um homem foi apanhado a tirar fotografias a uma jovem e fingiu desmaiar, fruto de alegado ataque cardíaco. A intenção do sujeito seria evitar ser detido. O indivíduo recusou mostrar as imagens captadas num transporte público e foi retirado à força do comboio pela Polícia.

LEIA MAIS: «Fiquei diferente com a morte do meu filho, mas não fiquei mais frágil», garante Judite Sousa

O caso deu-se na semana passada, numa viagem curta em Buenos Aires, na Argentina. Depois de reparar que fora fotografada várias vezes por um sexagenário, Yanina Sofía pediu-lhe para parar de captar imagens dela. Mas o homem recusou. Os outros passageiros também se sentiram incomodados e fizeram o mesmo pedido. O homem voltou a dizer que faria «o que quisesse».

Mesmo depois de apanhado em flagrante, o homem recusou-se a parar de fotografar a jovem

«Pedi-lhe que apagasse as fotografias, mas ele não quis. Ainda gritou. E disse que o telefone era dele e que ninguém o podia obrigara a nada», explicou Yanina. Uma testemunha, indignada com a situação, foi mais dura do discurso. «Apague isso já! Imediatamente! Você não é dono de ninguém e não tem esse direito! Vou chamar a Polícia.» E foi isso mesmo que acabou por acontecer.

LEIA MAIS: Engravidou a mulher e a sogra ao mesmo tempo

Um dos passageiros contactou a Polícia local e os agentes entraram na carruagem. Quando o suspeito se apercebeu da entrada dos agentes, apagou as fotografias. «Vocês não sabem nada de mim e já apaguei as fotografias», justificou. Contudo, após o relato das testemunhas, a Polícia decidiu levá-lo para ser interrogado. Foi nesse momento que o sexagenário fingiu estar a ter um ataque cardíaco, simulando um desmaio. «Não vale a pena fingir. Irá na mesma para a esquadra. Nem que seja depois de o levarmos ao hospital. Estamos a pedir que se levante com amabilidade. Não nos obrigue a usar a força», disse um dos agentes. Após largos minutos de indecisão, o suspeito decidiu acompanhar os agentes. Mas reiterou estar a sentir-se mal e acusou todos os presentes de «ataque a pessoa idosa».

LEIA MAIS: Rui Pedro está desaparecido há 20 anos

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS