Daniel suicidou-se aos 13 anos vítima de bullying | «Desisti, os professores não fizeram NADA»

Adolescente escreve carta a explicar as razões do suicídio. Os pais querem agora que todos conheçam a sua história para que se acabe de vez com o bullying.

Daniel vivia em Nova Iorque e tinha apenas 13 anos quando acabou com a própria vida. A irmã, Kristen, de 17 anos, encontrou-o enforcado. Os pais, Maureen e Daniel, estão arrasados, mas não querem ficar em silêncio o que levou o filho ao suicídio: bullying.

«Eu desisti. Os professores também não fizeram NADA», lamentou em desespero, antes de cometer suicídio por ser vítima continuada de bullying

O adolescente escreveu uma carta de despedida, que os pais tornaram pública recentemente. Nela, Daniel descreve como os colegas da escola, de repente, se viraram contra ele, maltratando-o.

«O Anthony descarregava tudo em mim. Todos os dias, o John, o Marco, o José e o Jack faziam bullying comigo, ao ponto de, certo dia, me terem partido um dedo», escreveu Daniel.

LEIA MAIS: Miss obcecada por plásticas transforma-se num monstro (Veja as fotos)

Maltratavam-no por ser, aparentemente, obeso, ter boas notas e por não ser tão rufia quanto os colegas de que passou a ser vítima. «Eu desisti. Os professores também não fizeram NADA», lamentou em desespero, antes de cometer suicídio.

 

«A história do meu filho está aí para toda a gente ver por quanta dor ele passou», disse o pai de Daniel no Facebook. «Nenhum pai deveria ter de enterrar um filho. Nenhuma criança deveria passar pelo que o meu filho passou.»

«Espero que vocês nunca tenham de passar pelo que a minha família está a passar agora», lamenta o pai da criança de 13 anos

O pai, que também se chama Daniel, condenou tanto os rapazes que faziam deliberadamente Bullying quanto a escola católica que minimizou o caso repetidamente. «Vai ficar tudo bem, estas coisas passam», diziam na Direcção da escola sempre que Daniel procurava ajuda.

LEIA MAIS: Descoberta pode rejuvenescer humanos

«Eu espero que vocês nunca tenham de passar pelo que minha família está a passar agora. Vocês podem abraçar os vossos filhos todos os dias e todas as noites para o resto das vossas vidas. Eu já não», reafirma o pai do adolescente.

LEIA MAIS: Jovem submete-se a 50 cirurgias para ficar como a Angelina Jolie e torna-se um «monstro»

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram

Mais

RELACIONADOS

Daniel suicidou-se aos 13 anos vítima de bullying | «Desisti, os professores não fizeram NADA»

Adolescente escreve carta a explicar as razões do suicídio. Os pais querem agora que todos conheçam a sua história para que se acabe de vez com o bullying.