Agride assistente de bordo por se recusar a sentar ao lado de criança

Mulher de 32 anos foi expulsa e detida pelas autoridades de Broward, Florida, por agredir assistente de bordo da JetBlue. A passageira recusou-se a sentar ao lado de uma criança.

Agride assistente de bordo por se recusar a sentar ao lado de criança

Agride assistente de bordo por se recusar a sentar ao lado de criança

Mulher de 32 anos foi expulsa e detida pelas autoridades de Broward, Florida, por agredir assistente de bordo da JetBlue. A passageira recusou-se a sentar ao lado de uma criança.

Mulher de 32 anos foi expulsa de um voo da JetBlue, depois de agredir assistente de bordo. A passageira terá recusado sentar-se ao lado de uma criança no avião.

A polícia de Broward, Florida, acabou por detê-la sob acusação de ofensas à integridade física.

«Na quinta-feira, dia 14 de fevereiro, durante o embarque no voo 7, de Fort Lauderdale para Las Vegas, a tripulação reportou uma situação de uma passageira conflituosa a bordo. A polícia local foi chamada e a mulher foi retirada do avião», explicou a JetBlue, em comunicado.

As autoridades afirmam ainda que a mulher tinha ingerido bebidas alcoólicas. Não quis sentar-se ao lado de uma criança de três anos e agrediu uma das assistentes de bordo. Depois terá agredido outro passageiro que se recusou também a trocar de lugar com ela. O relatório da polícia revela que a mulher sentou-se noutro lugar sem autorização da tripulação.

Depois de passar a noite na prisão, a passageira foi libertada mediante o pagamento de uma fiança.

LEIA MAIS
Terramoto com magnitude 7,5 atinge zona fronteiriça entre Equador e Peru
Previsão do tempo para sábado, 23 de fevereiro de 2019

Impala Instagram


RELACIONADOS