Adolescente resolve mistério de mulher desaparecida há 27 anos

Janet Farris desapareceu há 27 anos e não havia qualquer pista sobre o seu paradeiro. Max, de 13 anos, resolveu o caso, deixando as autoridades surpreendidas.

Adolescente resolve mistério de mulher desaparecida há 27 anos

Janet Farris desapareceu há 27 anos e não havia qualquer pista sobre o seu paradeiro. Max, de 13 anos, resolveu o caso, deixando as autoridades surpreendidas.

Janet Farris, de Mill Bay, Canadá, desapareceu em 1992, quando ia a caminho de um casamento. Não chegou ao destino e nunca houve qualquer pista sobre o seu paradeiro. Há um mês, Max Werenka, de 13 anos, decidiu mergulhar com uma câmara go pro no lago Griffin em Revelstoke e avistou um carro submerso. Inicialmente, as autoridades policiais pensavam tratar-se de um veículo que caiu no lago em 2009 e cujo condutor conseguiu sair com vida, mas depararam-se com ossadas humanas no interior.

LEIA DEPOIS
Mulher obrigada a fugir de casa devido a ataques da gata

Teste de ADN, verificou tratar-se de Janet Farris

Após teste de ADN, verificou tratar-se de Janet Farris, uma mulher desaparecida nos anos 90. «Participei o achado à polícia de Montada, mas como sabíamos desse acidente, achamos que era o carro que caiu ao lado em 2009. Fiquei incrédula quando nos disseram que havia um corpo lá dentro», contou Nancy Werenka, mãe de Max Werenka.

Em entrevista a um canal de televisão do Canadá George Farris, filho da vítima, afirmou estar a sentir um misto e tristeza e alívio. «O pior nestes 27 anos foi não ter respostas e não haver uma única pista. Apesar de tudo, tinha uma esperança de voltar a ver a minha mãe, mas pelo menos já sei o que se passou e posso fazer o meu luto», disse.

O lago onde se deu o acidente encontra-se ao lado de uma estrada. As autoridades policiais acreditam que Janet Farris adormeceu ao volante, acabando por cair na água. George Farris agradeceu a Nancy Warenka e ao pequeno Max Werenka, por terem ajudado a resolver o mistério e terem trazido «paz à família». «Com 13 anos esse menino é um adolescente maduro e de bom coração», sublinhou. A polícia de Revelstoke também teceu elogios ao menor: «Fez um autêntico trabalho de detetive e é admirável a sua postura».

LEIA MAIS
Previsão do tempo para quinta-feira, 10 de outubro
Obesidade | OCDE alerta que 92 milhões estão em risco de vida

Impala Instagram


RELACIONADOS