Jovem de 22 anos faz filmes porno para pagar licenciatura e recebe prémio de melhor aluna

Uma mulher de 22 anos revelou que fazia filmes pornográficos para pagar o curso de Direito.

Jovem de 22 anos faz filmes porno para pagar licenciatura e recebe prémio de melhor aluna

Uma mulher de 22 anos revelou que fazia filmes pornográficos para pagar o curso de Direito.

Miriam Weeks, jovem norte-americana de 22 anos, quer lutar pelo direito das mulheres na indústria pornográfica. Para isso, a aluna revelou que para pagar as propinas da licenciatura na faculdade de Direito de Nova Iorque – perto de 50 mil euros por ano – realizou filmes para adultos. Miriam Weeks, cujo nome artístico é Belle Knox, focou-se na licenciatura nas áreas de sociologia e estudos sobre as mulheres.

LEIA DEPOIS
Bebé nasce com 28 semanas e 400 gramas e consegue sobreviver

Para surpresa de muitos, a jovem recebeu um prémio de melhor aluno do curso

Antes de ser considerada a melhor aluna do ano, já tinha vindo a público, numa entrevista ao Daily Mail, como forma de desmistificar a indústria pornográfica. Em declarações à publicação, explicou que, ao início, os pais não aceitaram a decisão. Porém, nunca perdeu a esperança de que os progenitores compreendessem. A jovem feminista acredita que poderá utilizar a sua formação académica para ajudar e empoderar outras mulheres na indústria do sexo. Miriam sonha em ser advogada na área de direitos humanos, e em especial, dos das mulheres.

LEIA MAIS
Estes gatos têm mais likes do que Cristina Ferreira
«O olfacto da mulher é melhor que o do homem» e outras 13 coisas que não imagina sobre si própria

Impala Instagram


RELACIONADOS