Taxa de inflação espanhola acelera para 8,7% em maio com aumento dos combustíveis

A taxa de inflação em Espanha fixou-se em 8,7%, no mês passado, 0,4 pontos percentuais acima da registada em abril, impulsionada pela subida do preço dos combustíveis e de alguns alimentos.

Taxa de inflação espanhola acelera para 8,7% em maio com aumento dos combustíveis

Taxa de inflação espanhola acelera para 8,7% em maio com aumento dos combustíveis

A taxa de inflação em Espanha fixou-se em 8,7%, no mês passado, 0,4 pontos percentuais acima da registada em abril, impulsionada pela subida do preço dos combustíveis e de alguns alimentos.

Segundo o Índice de Preços do Consumo (IPC) Geral do Instituto Nacional de Estatística (INE) espanhol, a taxa de inflação ascendeu a 8,7% em maio.

A contribuir para esta percentagem estiveram o aumento do preço dos combustíveis e de produtos como cereais, laticínios, ovos e carnes.

Excluindo os efeitos fiscais, o IPC teria registado um aumento homólogo de 9,6% em maio.

Os transportes foram a categoria que mais pressionou a inflação espanhola em maio, com um aumento de 14,9%, mais dois pontos do que em abril, com a subida dos preços dos combustíveis e dos lubrificantes.

Por sua vez, os alimentos e as bebidas não alcoólicas avançaram 11%, um nível recorde desde 1994, destacando-se o valor do pão, cereais, leite, queijo, ovos e carne.

Já as leguminosas e os vegetais ficaram mais baratos.

O preço dos cafés, hotéis e restaurante foi inflacionado, no período em análise, em 6,3%.

Neste período, o preço da habitação caiu, embora apresentando uma taxa de 17,5%.

Em maio, a inflação aumentou em todas as comunidades autónomas, com exceção de Navarra e Aragão, onde recuou para 8,5% e 9,3%, respetivamente.

As maiores subidas verificaram-se em Múrcia e na Estremadura, com ganhos de um e 0,7 pontos para, respetivamente, 9,2% e 9,4%.

PE // JH

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS