Taxa de desemprego na zona euro manteve-se em janeiro em mínimo histórico – Eurostat

A taxa de desemprego na zona euro manteve-se em janeiro nos 7,4%, o mesmo valor do mês anterior e que constitui o registo mais baixo desde a publicação mensal do indicador, segundo dados hoje divulgados pelo Eurostat.

Taxa de desemprego na zona euro manteve-se em janeiro em mínimo histórico - Eurostat

Taxa de desemprego na zona euro manteve-se em janeiro em mínimo histórico – Eurostat

A taxa de desemprego na zona euro manteve-se em janeiro nos 7,4%, o mesmo valor do mês anterior e que constitui o registo mais baixo desde a publicação mensal do indicador, segundo dados hoje divulgados pelo Eurostat.

Os dados hoje publicados pelo gabinete oficial de estatísticas da UE revelam que a taxa de desemprego no conjunto da União Europeia também seguiu inalterada no primeiro mês do ano, face a dezembro de 2019, nos 6,6%, igualmente o valor mais baixo desde a publicação mensal deste indicador, em 2000.

Portugal contrariou a tendência, ao registar um aumento de 6,7% em dezembro passado para 6,9% em janeiro, um valor abaixo da média da zona euro mas superior à média da UE.

Na comparação homóloga, com janeiro de 2019, a taxa de desemprego recuou quatro décimas no espaço da moeda única (era de 7,8% um ano antes) e três décimas no conjunto da União (era de 6,9%), enquanto Portugal voltou a estar em contraciclo, ao registar um aumento de três décimas (de 6,6% para 6,9%), o terceiro maior entre os 27 Estados-membros.

Também a taxa de desemprego jovem aumentou em Portugal, tanto na comparação homóloga como na comparação em cadeia, ao fixar-se em janeiro nos 19,3%, quase dois pontos acima dos 17,5% registados um ano antes e dos 18,6% do mês anterior, e neste caso acima da média quer da zona euro (15,6%), quer da UE (14,9%).

Em janeiro, as menores taxas de desemprego foram registadas na República Checa (2,0%), Polónia (2,9%) e Holanda (3,0%), enquanto as mais altas foram observadas na Grécia (16,5%, dados de novembro) e Espanha (13,7%).

ACC // JNM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS