Tancos: Acusação de Cristas é “inapropriada, incorreta e injustificada” – Ferro Rodrigues

O presidente da Assembleia da República defendeu hoje que a acusação feita pela líder do CDS-PP foi “inapropriada, incorreta e injustificada”, porque as declarações do ex-ministro da Defesa e do primeiro-ministro estão disponíveis sem “restrições ou condicionalismos”.

Tancos: Acusação de Cristas é

Tancos: Acusação de Cristas é “inapropriada, incorreta e injustificada” – Ferro Rodrigues

O presidente da Assembleia da República defendeu hoje que a acusação feita pela líder do CDS-PP foi “inapropriada, incorreta e injustificada”, porque as declarações do ex-ministro da Defesa e do primeiro-ministro estão disponíveis sem “restrições ou condicionalismos”.

Através de uma nota distribuída depois da conferência de líderes – que decorreu de manhã para decidir sobre uma reunião da Comissão Permanente para discutir a questão de Tancos -, Ferro Rodrigues considerou que a acusação da dirigente dos centristas, Assunção Cristas, foi “inapropriada, incorreta e injustificada”.

A presidente do CDS-PP acusou hoje o presidente do parlamento de estar a “proteger o PS” ao ter recusado enviar para o Ministério Público as declarações prestadas pelo ex-ministro da Defesa e do primeiro-ministro, António Costa, durante a comissão parlamentar de inquérito ao caso de Tancos.

A líder dos centristas justificou a necessidade de enviar as declarações por poderem considerar-se “declarações falsas”.

Respondendo a Cristas, o presidente da Assembleia da República lembrou que as declarações do ex-governante e do líder do executivo socialista “se encontram disponíveis na página do parlamento”, estando “acessíveis sem quaisquer restrições ou condicionalismos” — além da publicação em Diário da Assembleia da República, juntamente com o relatório final da comissão de inquérito, em 29 de junho.

Eduardo Ferro Rodrigues acrescentou que “todos os elementos e informações” pedidos pelo MP à comissão parlamentar de inquérito, sobre as “consequências e responsabilidades políticas do furto do material militar ocorrido” nos paióis de Tancos, foram “pronta e diretamente enviados”.

AFE/IEL (NS) // ACL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS