São Tomé/Eleições: Apoiantes de Carlos Vila Nova celebram resultado nas ruas da capital

Centenas de apoiantes do candidato presidencial em São Tomé e Príncipe Carlos Vila Nova desfilavam hoje ao final da tarde nas ruas da capital são-tomense para celebrar o resultado eleitoral, com a passagem à segunda volta.

São Tomé/Eleições: Apoiantes de Carlos Vila Nova celebram resultado nas ruas da capital

São Tomé/Eleições: Apoiantes de Carlos Vila Nova celebram resultado nas ruas da capital

Centenas de apoiantes do candidato presidencial em São Tomé e Príncipe Carlos Vila Nova desfilavam hoje ao final da tarde nas ruas da capital são-tomense para celebrar o resultado eleitoral, com a passagem à segunda volta.

Dezenas de carrinhas de caixa aberta e carros transportavam simpatizantes que se concentraram junto da sede da Comissão Eleitoral Nacional (CEN) e daí partiram, em cortejo, em direção à Praça da Independência.

Juntaram-se ao desfile centenas de pessoas envergando t-shirts e bonés e agitando bandeiras da candidatura de Carlos Vila Nova.

Num camião com um palco móvel estão vários cantores que animam os populares, que caminham em clima de festa e lançam palavras de celebração pelo resultado eleitoral de Carlos Vila Nova, o candidato mais votado nas eleições de domingo.

Segundo os resultados provisórios, anunciados hoje pela CEN, Carlos Vila Nova, apoiado pela Ação Democrática Independente (ADI, oposição) foi o candidato mais votado, com 39,47% (32.022 votos), seguido de Guilherme Posser da Costa (Movimento de Libertação de São Tomé e Príncipe — Partido Social Democrata, no poder), com 20,75% (16.829 votos).

Os dados foram hoje anunciados pelo presidente da CEN, Fernando Maquengo, na sede deste organismo na capital são-tomense, numa declaração em que se limitou a indicar os resultados de cada um dos 19 candidatos às presidenciais deste domingo, sem direito a perguntas da imprensa.

Em terceiro lugar ficou Delfim Neves, presidente da Assembleia Nacional e apoiado pelo Partido da Convergência Democrática (no poder), com 16,88% (13.691 votos), que já anunciou que vai contestar os resultados por “fraude massiva”.

Segundo os dados hoje anunciados, a abstenção foi de 32,24%.

No total, houve um total de 81.123 votos válidos (97,1%), 631 votos brancos (0,76%) e 1.793 nulos (2,15%).

JH // VM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS