Representante da ONU na Guiné-Bissau confirma encerramento de missão política em dezembro

A representante do secretário-geral da ONU em Bissau, Rosine Sori Coulibaly, confirmou hoje que o Gabinete Integrado da ONU para a Consolidação da Paz na Guiné-Bissau (UNIOGBIS) encerra em dezembro.

Representante da ONU na Guiné-Bissau confirma encerramento de missão política em dezembro

Representante da ONU na Guiné-Bissau confirma encerramento de missão política em dezembro

A representante do secretário-geral da ONU em Bissau, Rosine Sori Coulibaly, confirmou hoje que o Gabinete Integrado da ONU para a Consolidação da Paz na Guiné-Bissau (UNIOGBIS) encerra em dezembro.

“Informei o Presidente da República que conforme a resolução e decisão do Conselho de Segurança a UNIOGBIS vai encerrar no final do ano e que haverá uma cerimónia oficial de encerramento”, disse Rosine Sori Coulibaly.

A representante, que falava aos jornalistas após um encontro com o chefe de Estado guineense, Umaro Sissoco Embaló, salientou que a missão encerra, mas que as Nações Unidas vão continuar a apoiar o país e o povo através das várias agências.

A missão da ONU na Guiné-Bissau foi estabelecida foi criada em 1999, no final do conflito político-militar no país, por determinação do Conselho de Segurança.

O Gabinete de Apoio à Consolidação da Paz das Nações Unidas na Guiné-Bissau foi estabelecido em 25 de junho de 1999, tendo em 2010 passado a ser uma missão integrada.

MSE // VM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS