PR guineense espera reforço do papel de Portugal no seu país

O Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, defendeu hoje um reforço do papel de Portugal na Guiné-Bissau, nomeadamente ao nível do desenvolvimento económico e social.

PR guineense espera reforço do papel de Portugal no seu país

PR guineense espera reforço do papel de Portugal no seu país

O Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, defendeu hoje um reforço do papel de Portugal na Guiné-Bissau, nomeadamente ao nível do desenvolvimento económico e social.

“Tenho a convicção de que Portugal reforçará o seu papel promotor privilegiado de desenvolvimento económico e social da Guiné-Bissau no âmbito de uma visão conjunta, que estabeleça os princípios ativos da nossa parceria estratégica”, afirmou Sissoco Embaló, na declaração que fez à comunicação social acompanhado pelo seu homólogo português, Marcelo Rebelo de Sousa.

O Presidente português iniciou segunda-feira uma visita oficial ao país, que termina hoje.

“Aproveito a ocasião para convidar empresas e investidores portugueses para virem para a Guiné-Bissau para explorar as oportunidades de investimento no nosso país, nos setores prioritários como turismo, energia, agricultura e pescas”, disse o chefe de Estado guineense.

Umaro Sissoco Embaló destacou que a Guiné-Bissau será a “porta de entrada de Portugal nos mercados da UEMOA (União Económica e Monetária da África Ocidental) e CEDEAO (Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental”.

“Um mercado muito atrativo e com diferentes variantes”, frisou Umaro Sissoco Embaló.

Num curto discurso, o Presidente guineense apelou também a todos os “atores políticos, sociais, económicos, sociedade civil e comunicação social” para “fazerem parte desta parceria estratégica”.

O anterior Presidente português a realizar uma visita oficial à Guiné-Bissau tinha sido Mário Soares, em 1989, há 31 anos e seis meses.

MSE // LFS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS