Polónia e Lituânia expressam confiança nas tropas da NATO sobre Suwalki Gap

Os chefes de Estado da Polónia e da Lituânia expressaram hoje confiança nas tropas da NATO em proteger o corredor Suwalki (Gap), que une os dois países, entre a Bielorrússia e um enclave russo no mar Báltico.

Polónia e Lituânia expressam confiança nas tropas da NATO sobre Suwalki Gap

Polónia e Lituânia expressam confiança nas tropas da NATO sobre Suwalki Gap

Os chefes de Estado da Polónia e da Lituânia expressaram hoje confiança nas tropas da NATO em proteger o corredor Suwalki (Gap), que une os dois países, entre a Bielorrússia e um enclave russo no mar Báltico.

“Esta é uma área muito sensível e os olhos de um agressor podem ser direcionados para aqui”, disse o Presidente lituano, Gitanas Nauseda, em Szypliszki, do lado polaco.

Com 70 quilómetros, o corredor liga Lituânia, Estónia e Letónia — todas ex-repúblicas soviéticas que fazem fronteira com a Rússia — à Polónia e outros membros da Aliança Atlântica.

“Decidimos vir a este lugar para mostrar que é seguro, apenas devido àquilo que se pode ver aqui hoje: o serviço diário, calmo, mas cheio de vigilância das tropas polcas, lituanas e outras da NATO”, observou o líder polaco, Andrzej Duda.

A pedido da Polónia e dos países bálticos, os líderes da NATO decidiram na cimeira de Madrid, ocorrida na semana passada, aumentar de forma significativa o número de tropas no leste da Europa.

No corredor de Suwalki, as brigadas deverão ser aumentadas com milhares de militares.

A acompanhados pelos respetivos ministros da Defesa, os presidentes estiveram presentes na área de Szypliszki, onde atualmente a unidade de comando móvel da Divisão Multinacional North East liderada pelos Estados Unidos está a fazer exercícios.

De Szypliszki, os dois presidentes viajaram para Mariampoli, na Lituânia, para se encontrar com um batalhão logístico liderado pela Alemanha.

JML // RBF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS