Polícia angolana deteve sete homens por furto de carris do Caminho-de-Ferro de Luanda

A polícia angolana deteve hoje sete indivíduos apanhados em flagrante cortarem carris furtados do Caminho-de-Ferro de Luanda, na berma da linha férrea, na localidade do Queta, na província do Cuanza Norte.

Polícia angolana deteve sete homens por furto de carris do Caminho-de-Ferro de Luanda

Polícia angolana deteve sete homens por furto de carris do Caminho-de-Ferro de Luanda

A polícia angolana deteve hoje sete indivíduos apanhados em flagrante cortarem carris furtados do Caminho-de-Ferro de Luanda, na berma da linha férrea, na localidade do Queta, na província do Cuanza Norte.

De acordo com uma nota de imprensa do Caminho-de-Ferro de Luanda a detenção foi possível depois de uma denúncia de residentes na localidade, que dista 20 quilómetros de Ndalatando, capital do Cuanza Norte, quando os suspeitos, utilizando material apropriado (maçaricos e botijas de gás), tinham já cortado 100 frações de três metros cada uma.

A nota salienta que os detidos foram encaminhados para o comando municipal do Cazengo da Polícia.

O furto desse tipo de material e não só, sublinha a nota, tem se verificado com frequência e provoca graves problemas técnicos ao funcionamento normal do Caminho-de-Ferro de Luanda, na medida em que estes carris deveriam ser utilizados para substituir os que estão em uso.

No início deste mês, o roubo de mais de 600 parafusos de fixação interditou a circulação de comboios suburbanos de passageiros em Luanda, no trajeto entre a estação dos Musseques e o Bungo.

A linha férrea do Caminho-de-Ferro de Luanda, com mais de 400 quilómetros de extensão, inclui um percurso pela província do Cuanza Norte até Malanje.

NME // PJA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS