PNR muda nome para “Ergue-te” para “refrescar imagem”

O Partido Nacional Renovador (PNR) alterou o nome para “Ergue-te”, justificando a mudança com a necessidade de “refrescar a imagem” ao fim de 20 anos, anunciou hoje o partido.

PNR muda nome para

PNR muda nome para “Ergue-te” para “refrescar imagem”

O Partido Nacional Renovador (PNR) alterou o nome para “Ergue-te”, justificando a mudança com a necessidade de “refrescar a imagem” ao fim de 20 anos, anunciou hoje o partido.

A mudança de nome foi aprovada pelo Tribunal Constitucional (TC) em acórdão com data de 10 de julho.

“Como é do conhecimento geral, a intenção de se mudar a designação do partido já vinha dos finais de 2018, tendo nós entendido fazê-la no presente ano — os vinte anos de existência do nosso partido — permitindo uma passagem gradual e faseada do “património” PNR para Ergue-te”, assinala a direção do “Ergue-te”, no site do partido.

A sigla PNR transformou-se em “E” e o símbolo do partido é a palavra “Ergue-te” a azul com uma chama vermelha no hífen.

O comunicado refere que a mudança foi “aprovada por unanimidade no Conselho Nacional de novembro” e é justificada com “essencialmente com a necessidade sentida de um refrescar da imagem” e com o facto de a sigla ser confundida e o seu significado desconhecido, uma vez que “muita gente” confundia “o ‘R’ de renovador, com republicano ou revolucionário”.

“Hoje, já existem diversos partidos designados por uma só palavra, mas o nosso tem a particularidade original de transmitir um apelo, uma convocatória, uma interpelação pessoal: “Ergue-te”! Como quem diz, acorda!, desperta!, luta pelo futuro, por ti e pelos teus, sem ficar à espera que alguém o faça”, acrescenta o partido, apontando que “erguer qualquer coisa é sinónimo de construir, projetar, solucionar, assumir uma missão”.

O Tribunal Constitucional já mudou a designação na lista dos partidos políticos constante na sua página da internet.

No acórdão, o TC refere que a denominação “Ergue-te” “não é idêntica ou semelhante à de qualquer outro partido político constituído, não se baseia no nome de uma pessoa, nem contém expressões diretamente relacionadas com qualquer religião, igreja ou instituição nacional”, pelo que foi aceite.

O PNR, agora “Ergue-te”, é um partido nacionalista de extrema-direita e foi fundado em abril de 2000, sendo presidido por José Pinto Coelho.

No `site´ do Tribunal Constitucional a inscrição do PNR data de 10 de julho de 1985, que corresponde na realidade ao registo do PRD (Partido Renovador Democrático), formação de centro esquerda que estava sem atividade mas nunca foi extinta e na qual se vieram a filiar elementos com ideologia nacionalista, que acabariam por mudar o programa e nome do PRD para PNR.

Nas últimas eleições legislativas, em 2019, obteve 15.270 votos, o que corresponde a 0,30%.

FM // SF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS