PM António Costa vai realizar visita à Guiné-Bissau — MNE

O primeiro-ministro, António Costa, vai realizar uma visita à Guiné-Bissau, depois de o Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, se deslocar a Portugal em outubro, disse hoje em Bissau o ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva.

PM António Costa vai realizar visita à Guiné-Bissau -- MNE

PM António Costa vai realizar visita à Guiné-Bissau — MNE

O primeiro-ministro, António Costa, vai realizar uma visita à Guiné-Bissau, depois de o Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, se deslocar a Portugal em outubro, disse hoje em Bissau o ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva.

Em declarações aos jornalistas, após ter aterrado no aeroporto Osvaldo Vieira, em Bissau, para participar nas celebrações dos 47 anos de independência da Guiné-Bissau, a 24 de setembro de 1973, Augusto Santos Silva afirmou que a sua visita, de dois dias ao país, tem uma “dupla importância”.

Segundo o chefe da diplomacia, a visita visa em primeiro lugar assinalar a presença de Portugal num dia que é “muito importante” para a Guiné-Bissau, mas também para a “democratização do regime em Portugal”.

“Em segundo lugar, esta é também uma visita de trabalho que se destina a preparar as próximas deslocações, desde logo em outubro a visita do Presidente da República da Guiné-Bissau a Portugal, e depois também o que será uma próxima visita do primeiro-ministro de Portugal a Bissau”, afirmou Augusto Santos Silva.

Questionado pela Lusa se a visita de António Costa ainda aconteceria em 2020, o ministro dos Negócios Estrangeiros explicou que foi estabelecido um ritmo.

Augusto Santos Silva visitou a Guiné-Bissau no ano passado em julho, tendo depois a chefe da diplomacia guineense, Susy Barbosa, visitado em outubro Portugal.

Após ter sido dado como vencedor das eleições presidenciais e antes de tomar posse, Umaro Sissoco Embaló deslocou-se a Portugal, tendo tido encontros com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e com António Costa.

Em julho, o primeiro-ministro guineense, Nuno Nabiam, esteve em Portugal para um encontro de trabalho com o seu homólogo português.

“Agora recebemos o Presidente da República da Guiné-Bissau e em função do nosso trabalho encontraremos a melhor data para a visita do primeiro-ministro”, disse.

A Presidência da Guiné-Bissau disse à Lusa que a deslocação de Umaro Sissoco Embaló a Portugal deverá acontecer a 08 de outubro.

Augusto Santos Silva chegou hoje a Bissau para uma visita de 48 horas, tendo previstos encontros com a chefe da diplomacia guineensee e com o Presidente, Umaro Sissoco Embaló, além de se reunir com organizações não-governamentais portuguesas a trabalhar em Bissau. Consta ainda da agenda a presença na inauguração de uma sala de ecografias no Centro de Saúde do Bairro Militar.

Na quinta-feira, o ministro dos Negócios Estrangeiros vai participar nas cerimónias de celebração do Dia da Independência, que vão decorrer no Estádio Nacional, e que contam com a presença de quatro chefes de Estado africanos.

MSE // JH

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS