PGR da Guiné-Bissau diz que há fortes “indícios de corrupção” na Câmara de Bissau

O procurador-geral da República da Guiné-Bissau, Fernando Gomes, disse hoje que há “indícios fortes de corrupção” na Câmara Municipal de Bissau, na sequência de um levantamento feito pela Comissão de Recuperação de Bens do Estado.

PGR da Guiné-Bissau diz que há fortes

PGR da Guiné-Bissau diz que há fortes “indícios de corrupção” na Câmara de Bissau

O procurador-geral da República da Guiné-Bissau, Fernando Gomes, disse hoje que há “indícios fortes de corrupção” na Câmara Municipal de Bissau, na sequência de um levantamento feito pela Comissão de Recuperação de Bens do Estado.

“Constataram-se fortes indícios de corrupção dentro da Câmara Municipal pelo que a comissão de inventário terminou o seu trabalho e agora o passo a seguir é entregar o relatório à subcomissão técnico-jurídica para dar o devido enquadramento”, afirmou, em conferência de imprensa, Fernando Gomes.

Segundo o procurador-geral da República, foram detetadas irregularidades na atribuição de casas de Estado, terrenos e pagamentos e a subcomissão.

“Vê-se que há muito imóveis indevidamente ocupados por indivíduos que não possuem autorização, não pagaram nada ao Estado e que até subalugaram a outras pessoas, auferindo vantagens económicas sobre isso”, disse.

Fernando Gomes disse também que vai fazer o trabalho o tempo “que for necessários”, mas que será feito o inventário de bens em todas as instituições do Estado.

“Não há perseguição, mas eu sei que vão sempre conotar com perseguição política”, salientou.

Após a sua tomada de posse, a 30 de abril, Fernando Gomes definiu como sua prioridade os combates à corrupção, criminalidade económica e financeira, crime organizado e tráfico de droga.

No seu discurso, em abril, o procurador-geral da República deu também um prazo de 90 dias para que serem entregues ao Estado todos os bens desviados e anunciou uma investigação, no âmbito do combate à corrupção, a todo o aparelho estatal.

MSE // PJA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS