PCP quer redução do preço do passe intermodal de 40 para 30 euros

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, defendeu a “progressiva gratuitidade” do passe social intermodal, para os menores de 18 anos, e propôs redução do preço de 40 para 30 euros.

PCP quer redução do preço do passe intermodal de 40 para 30 euros

PCP quer redução do preço do passe intermodal de 40 para 30 euros

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, defendeu a “progressiva gratuitidade” do passe social intermodal, para os menores de 18 anos, e propôs redução do preço de 40 para 30 euros.

Os comunistas fizeram as contas e Jerónimo de Sousa afirmou que os custos desta medida, “uma conquista de largo alcance”, calculados em 50 milhões de euros, “valem bem do ponto de vista social, económico e ambiental”.

“Tão mais justa e possível quando aí vemos a drenagem de recursos públicos para o Novo Banco e de benesses para o grande capital”, afirmou, no encerramento de um encontro, no Pavilhão dos Desportos, na capital, sobre a Área Metropolitana de Lisboa (AML) com candidatos da CDU às eleições autárquicas no final do ano.

O líder do PCP reclamou para a “determinação da CDU” e para “a luta das populações” a “conquista do passe social intermodal”, uma medida tomada durante o primeiro Governo do PS, em que António Costa fez um acordo de incidência parlamentar com os partidos de esquerda, PCP, Bloco e PEV.

Agora, em vez de ficar “sujeita ao casuísmo e incerteza de deliberações anuais” nos Orçamentos do Estado, é preciso, “consolidar” a medida em “legislação nacional”, defendeu.

 

NS // ACL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS