PCP alerta que Biden quer manter política externa de ameaça à paz

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, classificou hoje a Presidência dos Estados Unidos de Donald Trump como tendo “laivos fascizantes”, mas alertou que o anunciado vencedor, Joe Biden, tenciona prosseguir a mesma linha de política externa.

PCP alerta que Biden quer manter política externa de ameaça à paz

PCP alerta que Biden quer manter política externa de ameaça à paz

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, classificou hoje a Presidência dos Estados Unidos de Donald Trump como tendo “laivos fascizantes”, mas alertou que o anunciado vencedor, Joe Biden, tenciona prosseguir a mesma linha de política externa.

“Sem menosprezar diferenças no plano da política interna, não se pode deixar de alertar desde já, para o significado das declarações da candidatura de Joe Biden que claramente mostram a intenção de prosseguir uma política externa, cujo o objetivo é a proclamada salvaguarda do domínio norte-americano no plano mundial, com o que representa de ameaça à soberania e direito dos povos, à segurança internacional e à paz”, criticou, um dia depois de o candidato democrata ter sido anunciado vencedor.

Num comício para assinalar a Revolução de Outubro na Rússia em Castanheira do Ribatejo (Vila Franca de Xira), Jerónimo de Sousa criticou igualmente os quatro anos de Donald Trump na presidência dos Estados Unidos, dizendo “que aprofundou a política de favorecimento do grande capital e promoveu uma deriva ainda mais reacionária e de laivos fascizantes”.

“O contexto em que decorreram as eleições desta semana, revelam não só o caráter profundamente antidemocrático do sistema político e eleitoral norte-americano, mas a gravidade dos problemas, contradições, desigualdades que atravessam a sociedade americana”, considerou.

SMA // PJA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS