Papa Francisco recebe Donald Trump a 24 de maio

O papa Francisco vai receber o Presidente dos Estados Unidos a 24 de maio, anunciou a Santa Sé, momentos depois de responsáveis governamentais norte-americanos terem confirmado a deslocação de Donald Trump ao Vaticano.

Papa Francisco recebe Donald Trump a 24 de maio

Papa Francisco recebe Donald Trump a 24 de maio

O papa Francisco vai receber o Presidente dos Estados Unidos a 24 de maio, anunciou a Santa Sé, momentos depois de responsáveis governamentais norte-americanos terem confirmado a deslocação de Donald Trump ao Vaticano.

O papa Francisco vai receber o Presidente dos Estados Unidos a 24 de maio, anunciou hoje a Santa Sé, momentos depois de responsáveis governamentais norte-americanos terem confirmado a deslocação de Donald Trump ao Vaticano.

A audiência está agendada para às 08:30 locais (07:30 hora de Lisboa) no Vaticano, precisou a mesma fonte.

As divergências profundas entre estas duas personalidades ficaram bem marcadas durante a campanha eleitoral para as presidenciais norte-americanas, realizadas em novembro do ano passado.

Questionado sobre Trump em fevereiro de 2016, quando o magnata do imobiliário era um dos candidatos à nomeação presidencial do Partido Republicano, o papa afirmou: “Uma pessoa que quer construir muros e não pontes não é cristão”. As palavras de Francisco foram mal recebidas por Trump, que respondeu que considerava “vergonhoso” que um líder religioso “questionasse a fé de uma pessoa”.

“O papa ouviu uma versão da história, não viu a criminalidade, o tráfico de droga e o impacto económico negativo que as políticas atuais têm sobre os Estados Unidos”, insistiu Trump, defendendo o seu projeto para a construção de um muro na fronteira com o México. Todavia, no dia seguinte quis atenuar a tensão criada, ao dizer que o papa era “um tipo incrível”, enquanto o Vaticano assegurou que Francisco não quis fazer um “ataque pessoal nem dar nenhuma indicação de voto”.

No dia da tomada de posse de Trump, no passado dia 20 de janeiro, Francisco rezou para que as decisões do novo Presidente norte-americano fossem “guiadas pelos ricos valores espirituais e éticos” do povo americano, com uma “preocupação para com os pobres e os excluídos”. Em meados de abril, a Casa Branca anunciou que tencionava pedir um encontro entre o Presidente norte-americano e o papa Francisco. E o próprio Trump chegou a afirmar que estava ansioso para se encontrar com o pontífice.

“Eu recebo todos os chefes de Estado que o solicitem”, respondeu no sábado o papa Francisco durante o voo de regresso ao Vaticano após uma visita ao Egito. Responsáveis governamentais norte-americanos divulgaram hoje que Trump vai visitar o Vaticano, Israel e a Arábia Saudita em finais de maio, naquela que será a sua primeira deslocação ao estrangeiro.

Está também confirmada a participação de Trump na reunião da NATO que vai decorrer em Bruxelas em 25 de maio, e na cimeira dos líderes dos sete países mais ricos (G7), que terá lugar na Sicília (Itália), em 26 e 27 de maio.

Antes deste encontro com Trump, o papa Francisco visita Fátima em 12 e 13 de maio e vai canonizar os pastorinhos Francisco e Jacinta no centenário das “aparições” na Cova da Iria, em 1917.

 

Impala Instagram


RELACIONADOS