Óbito/Rui Oliveira e Costa: Presidente da República realça ação sindical e trabalho nos estudos de opinião

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, lamentou hoje a morte de Rui Oliveira e Costa e realçou a sua ação como dirigente sindical e o trabalho que desenvolveu na área dos estudos de opinião.

Óbito/Rui Oliveira e Costa: Presidente da República realça ação sindical e trabalho nos estudos de opinião

Óbito/Rui Oliveira e Costa: Presidente da República realça ação sindical e trabalho nos estudos de opinião

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, lamentou hoje a morte de Rui Oliveira e Costa e realçou a sua ação como dirigente sindical e o trabalho que desenvolveu na área dos estudos de opinião.

Rui Oliveira e Costa, que foi diretor da Eurosondagem, dirigente da central sindical UGT e deputado eleito pelo PSD nos anos 80, morreu na terça-feira, aos 73 anos.

Numa mensagem publicada no sítio oficial da Presidência da República na Internet, Marcelo Rebelo de Sousa “lamenta pesarosamente o falecimento de Rui Oliveira e Costa, endereçando a toda a família enlutada as mais profundas condolências”.

“Rui Oliveira e Costa destacou-se na vida pública portuguesa como dirigente sindical da UGT, tendo a sua dedicação às causas sociais pautado também a sua atividade política, designadamente como deputado à Assembleia da República pelo PSD”, refere-se no texto.

“Destacou-se igualmente pelo trabalho que desenvolveu na área dos estudos de opinião, dando assim um relevante contributo à democracia e ao conhecimento da sociedade portuguesa”, acrescenta-se.

Marcelo Rebelo de Sousa “recorda, nesta hora e já com saudade, a relação de amizade e o trato sempre cordial que perdurarão para além da sua partida”.

Adepto e sócio do Sporting Clube de Portugal, Rui Oliveira e Costa foi membro do Conselho Leonino, diretor do Jornal Sporting e comentador desportivo.

No plano político, foi deputado eleito pelo PSD na III e IV legislaturas, tornando-se independente em 1986, quando apoiou a primeira candidatura presidencial de Mário Soares.

Eduardo Ferro Rodrigues, antigo secretário-geral do PS e atual presidente da Assembleia da República, assinalou na terça-feira que Rui Oliveira e Costa integrou as comissões de honra das candidaturas presidenciais de Mário Soares, em 1986 e 1991, e de Jorge Sampaio, em 1996 e 2001.

“Lembro-me do papel que teve nas presidenciais de 1986 quando se afastou do PSD e apoiou o meu pai. Depois veio para o PS onde foi um militante ativo. Como também na UGT onde com Torres Couto e João Proença teve um papel muito importante”, referiu, por sua vez, João Soares, antigo presidente da Câmara Municipal de Lisboa.

IEL (JML) // ACL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS