MNE responde a embaixador dos EUA que quem toma as decisões é Portugal

Augusto Santos Silva avisou hoje que quem toma as decisões em Portugal é o Governo, em resposta a declarações do embaixador dos EUA, que exigiu que Lisboa escolha entre os aliados e a China

MNE responde a embaixador dos EUA que quem toma as decisões é Portugal

MNE responde a embaixador dos EUA que quem toma as decisões é Portugal

Augusto Santos Silva avisou hoje que quem toma as decisões em Portugal é o Governo, em resposta a declarações do embaixador dos EUA, que exigiu que Lisboa escolha entre os aliados e a China

Lisboa, 26 set 2020 (Lusa) — O chefe da diplomacia portuguesa avisou hoje que quem toma as decisões em Portugal é o Governo, em resposta a declarações do embaixador dos Estados Unidos, que exigiu que Lisboa escolha entre os aliados e a China.

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, comentava, em declarações à agência Lusa, e entrevista de George Glass ao semanário português Expresso, em que defendeu que Portugal tem de escolher entre os “amigos e aliados” EUA e o “parceiro económico” China, alertando que escolher a China em questões como o 5G pode ter consequências em matéria de Defesa.

“O Governo português regista as declarações […]. Mas o ponto fundamental é este: em Portugal, quem toma as decisões são as autoridades portuguesas, que tomam as decisões que interessam a Portugal, no quadro da Constituição e da lei portuguesa e das competências que a lei atribui às diferentes às diferentes autoridades relevantes”, disse.

 

JSD // FPA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS