Marcelo elogia “liderança dialogante” de Sampaio em Lisboa à qual foi “oposição atenta”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, elogiou hoje a “liderança clara, dialogante” de Jorge Sampaio na Câmara de Lisboa, à qual disse ter sido uma “oposição atenta e incómoda, mas construtiva”, como vereador do PSD.

Marcelo elogia

Marcelo elogia “liderança dialogante” de Sampaio em Lisboa à qual foi “oposição atenta”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, elogiou hoje a “liderança clara, dialogante” de Jorge Sampaio na Câmara de Lisboa, à qual disse ter sido uma “oposição atenta e incómoda, mas construtiva”, como vereador do PSD.

Durante uma sessão evocativa dos “30 anos do Moderno Planeamento Estratégico de Lisboa”, elaborado no período em que Jorge Sampaio esteve à frente da Câmara Municipal de Lisboa, depois de o ter derrotado nas eleições autárquicas de dezembro de 1989, Marcelo Rebelo de Sousa descreveu esses tempos como um “período inesquecível”.

Perante Jorge Sampaio e o primeiro-ministro, António Costa, o chefe de Estado referiu ter sido testemunha dessa gestão autárquica “da perspetiva mais isenta e mais livre para poder julgá-la”, como “amigo de muito tempo antes, mas adversário”.

“Pois é com esse testemunho que reconheço, como cidadão que sou e autarca que era, a Jorge Sampaio a vivência ímpar e inspiradora que foi a sua notável presidência da Câmara de Lisboa. Tal como é, agora já na posição de Presidente da República Portuguesa, que lhe tributo a gratidão de todos os portugueses por esse exemplo pioneiro e civicamente essencial: o de ter sido o primeiro Presidente da República em democracia a palmilhar, antes de o ser, os caminhos árduos, mas galvanizadores, da responsabilidade autárquica”, afirmou.

Marcelo Rebelo de Sousa assinalou que Jorge Sampaio foi “autarca local e Presidente da República, o primeiro em democracia” a acumular as duas funções, e “presidente de Câmara Municipal e Presidente da República, o único em democracia” até ao momento, concluindo: “Portugal louva e agradece, penhorado, e não esqueceu, não esquece nem nunca esquecerá”.

IEL // ACL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS