Maioria dos dinamarqueses a favor da adoção da Política Comum de Defesa da UE — resultados parciais

Uma esmagadora maioria dos dinamarqueses, quase 67%, votou esta quarta-feira, em referendo, a favor da adesão à Política Comum de Segurança e Defesa da UE, numa altura em que estão contabilizados 97% dos votos.

Maioria dos dinamarqueses a favor da adoção da Política Comum de Defesa da UE -- resultados parciais

Maioria dos dinamarqueses a favor da adoção da Política Comum de Defesa da UE — resultados parciais

Uma esmagadora maioria dos dinamarqueses, quase 67%, votou esta quarta-feira, em referendo, a favor da adesão à Política Comum de Segurança e Defesa da UE, numa altura em que estão contabilizados 97% dos votos.

“A Dinamarca enviou esta noite um sinal importante aos nossos aliados na Europa e na NATO, e ao [Presidente da Rússia, Vladimir] Putin. Estamos a mostrar que quando Putin invade um país livre e ameaça a estabilidade na Europa, os restantes unimo-nos”, sublinhou a primeira-ministra dinamarquesa, Mette Frederiksen.

O principal efeito do fim do ‘opt-out’, que desde 1993 mantém a Dinamarca fora desse domínio das políticas comuns, é que Copenhaga passa a poder participar em áreas relacionadas com a defesa e segurança do bloco comunitário e em hipotéticas operações militares da UE.

 

DMC // RBF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS