Guiné-Equatorial recebe a partir de hoje Cimeira do Gás

Guiné-Equatorial recebe a partir de hoje Cimeira do Gás

A capital da Guiné-Equatorial, Malabo, recebe a partir de hoje a Cimeira do Gás, uma conferência que durante dois dias vai abordar negócios e parcerias no setor, juntando representantes da indústria do gás e membros de governos africanos.

A cimeira resulta de uma organização conjunta entre o Governo da Guiné-Equatorial e a Sonagas, empresa nacional de gás natural, e a cerimónia de abertura contará com um discurso do Presidente equato-guineense, Teodoro Obiang Nguema Mbasogo.

O primeiro dia terá ainda a presença do ministro das Minas e do Hidrocarbonetos, Gabriel Mbaga Obiang Lima, do ministro das Finanças, Economia e Planeamento da Guiné Equatorial, Lucas Abaga Nchama, do diretor-geral da Sonagas, Juan Antonio Ndong, e do ministro de Estado para os Recursos Petrolíferos da Nigéria, Emmanuel Ibe Kachikwu.

Delegações internacionais do Burkina Faso, Chade, Gana, Guiné-Equatorial e Nigéria também deverão participar nesta cimeira.

Membro da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) desde 2014, a Guiné-Equatorial produz cerca de 133 mil barris de petróleo bruto – que está na origem do gás natural – por dia.

JYO // PVJ

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Guiné-Equatorial recebe a partir de hoje Cimeira do Gás

A capital da Guiné-Equatorial, Malabo, recebe a partir de hoje a Cimeira do Gás, uma conferência que durante dois dias vai abordar negócios e parcerias no setor, juntando representantes da indústria do gás e membros de governos africanos.