Governo angolano celebra 45 anos de independência com inauguração de hotel nacionalizado

O governo angolano assinala os 45 anos de independência a partir de terça-feira, com homenagens e inaugurações, entre as quais a do Hotel Intercontinental, nacionalizado no mês passado.

Governo angolano celebra 45 anos de independência com inauguração de hotel nacionalizado

Governo angolano celebra 45 anos de independência com inauguração de hotel nacionalizado

O governo angolano assinala os 45 anos de independência a partir de terça-feira, com homenagens e inaugurações, entre as quais a do Hotel Intercontinental, nacionalizado no mês passado.

O programa comemorativo tem início na terça-feira, com uma homenagem no Palácio Presidencial, segundo uma nota da Presidência.

No dia 11, quarta-feira, data em que se celebram os 45 anos da “Dipanda”, as cerimónias começam às 07:00 com o içar da bandeira no Museu Central das Forças Armadas Angolanas, seguindo-se às 09:00, a deposição de uma coroa de flores no memorial Dr. António Agostinho Neto, primeiro presidente de Angola, que proclamou a independência em Luanda, às 00:00 do dia 11 de novembro de 1975.

Para as 10:00 está prevista a inauguração do Hotel Intercontinental, nacionalizado pelo Presidente João Lourenço no dia 28 de outubro, passando as participações a pertencer na totalidade à petrolífera estatal Sonangol.

O despacho presidencial justificava, na altura, que “a unidade hoteleira em causa tem elevado potencial económico e a sua transferência para o domínio público reveste-se de interesse nacional, em virtude de ter sido constituída com fundos públicos”.

O hotel pertencia a sociedades ligadas a Manuel Vicente, ex-vice-presidente angolano e ex-presidente da Sonangol, Ismael Diogo da Silva, presidente da Fundação Eduardo dos Santos (Fesa) e António de Jesus Castelhano Maurício, presidente da Suninvest, ligada à Fesa.

Pela mesma hora, deverão estar a dirigir-se para o largo do Cemitério de Santa Ana, jovens e ativistas que se vão manifestar pela melhoria das condições de vida e reivindicar a marcação de eleições autárquicas, prevendo seguir em desfile até ao Largo 1.º de maio

Na quinta-feira, será inaugurada a Academia Diplomática do Ministério das Relações Exteriores, às 10:30.

 

RCR // JMR

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS