EUA/Eleições: Milhares de apoiantes de Trump manifestam-se em Washington

Milhares de apoiantes do Presidente cessante dos EUA, Donald Trump, convergiram hoje para o centro de Washington para uma demonstração de força enquanto o Congresso se prepara para certificar a sua derrota presidencial.

EUA/Eleições: Milhares de apoiantes de Trump manifestam-se em Washington

EUA/Eleições: Milhares de apoiantes de Trump manifestam-se em Washington

Milhares de apoiantes do Presidente cessante dos EUA, Donald Trump, convergiram hoje para o centro de Washington para uma demonstração de força enquanto o Congresso se prepara para certificar a sua derrota presidencial.

Desafiando as regras de combate à pandemia de covid-19, milhares de pessoas vindas de vários estados dos EUA juntaram-se sem máscara na capital, convergindo para uma manifestação de apoio a Donald Trump.

O Presidente cessante, que continua a negar a vitória do seu rival democrático, Joe Biden, há vários dias que incentiva os seus apoiantes a marcharem na capital, numa manifestação que tem o objetivo de contrariar os resultados das eleições presidenciais de 03 de novembro.

Trump deve falar aos manifestantes numa esplanada localizada na ala sul da Casa Branca, sendo expectável que repita as acusações de fraude eleitoral.

Katherine Caldwell, de 61 anos, e o seu marido vieram de Oregon propositadamente para a manifestação, para apoiar Trump na sua cruzada contra a ratificação dos resultados eleitorais.

“Eles roubaram a eleição. Estou absolutamente certa disso”, disse Caldwell, referindo-se à alegada ação dos democratas, dizendo que esse mesmo “roubo” terá acontecido na segunda volta das eleições para dois lugares no Senado no estado da Geórgia, que devem dar nova vitória aos democratas, permitindo-lhes controlar a câmara alta do Senado.

“Eles usaram as máquinas fraudulentas, novamente. O povo da Geórgia é corrupto”, garante a manifestantes de Oregon, que foi a Washington com um chapéu de ‘cowboy’ e uma grande bandeira vermelha onde se pode ler “Trump é o meu Presidente”.

Outros manifestantes seguram cartazes que dizem “Parem o roubo”, o grito de guerra daqueles que acreditam que a eleição de 03 de novembro foi uma fraude, apesar das decisões de tribunais e declarações de funcionários eleitorais.

A manifestação de hoje ocorre quando as duas câmaras do Congresso reúnem numa sessão conjunta para validar os resultados do Colégio Eleitoral que deu a vitória a Joe Biden, que deverá tomar posse no dia 20 deste mês.

A reunião do Congresso está marcada para as 13:00 locais (18:00 em Lisboa).

RJP // EL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS