Eleições/RDCongo: Ocidente pede a Kinshasa que desbloqueie o acesso à Internet

Eleições/RDCongo: Ocidente pede a Kinshasa que desbloqueie o acesso à Internet

Os grandes países ocidentais apelaram hoje à República Democrática do Congo para que desbloqueie o acesso aos meios de comunicação social, que está impedido até ao resultado das eleições gerais no próximo domingo.

“Pedimos ao governo que não bloqueie os meios de comunicação, incluindo o acesso à Internet e aos media”, escreveram os representantes da União Europeia e dos Estados Unidos em Kinshasa, numa declaração conjunta assinada por outros países.

“Desejo um feliz ano novo e os melhores votos aos meus amigos congoleses! Que 2019 vos traga paz, uma transição democrática e a Internet desbloqueada!”, escreveu, por sua vez, no Twitter, o novo embaixador dos Estados Unidos, Mike Hammer.

O acesso à internet e às redes sociais foi suspenso na segunda-feira, por um período indeterminado, por decisão do governo. O envio de SMS também é impossível desde segunda-feira à tarde.

A eleição presidencial deverá designar o sucessor do Presidente Joseph Kabila, impedido pela Constituição de continuar, depois de quase 18 anos no poder.

A declaração conjunta da União Europeia e dos Estados Unidos é também assinada pelos representantes do Canadá, Suíça, França, Bélgica, Reino Unido, Holanda e Suécia.

AL // MAG

By Impala News / Lusa

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Eleições/RDCongo: Ocidente pede a Kinshasa que desbloqueie o acesso à Internet

Os grandes países ocidentais apelaram hoje à República Democrática do Congo para que desbloqueie o acesso aos meios de comunicação social, que está impedido até ao resultado das eleições gerais no próximo domingo.