Deputados do PS questionam Medina sobre fecho de balcão da CGD em Odivelas

Deputados do PS eleitos por Lisboa questionaram hoje o ministro das Finanças sobre o encerramento anunciado do balcão da Caixa Geral de Depósitos (CGD)na Póvoa de Santo Adrião, considerando-o “extremamente lesivo” para esta freguesia do concelho de Odivelas.

Deputados do PS questionam Medina sobre fecho de balcão da CGD em Odivelas

Deputados do PS questionam Medina sobre fecho de balcão da CGD em Odivelas

Deputados do PS eleitos por Lisboa questionaram hoje o ministro das Finanças sobre o encerramento anunciado do balcão da Caixa Geral de Depósitos (CGD)na Póvoa de Santo Adrião, considerando-o “extremamente lesivo” para esta freguesia do concelho de Odivelas.

Numa pergunta endereçada ao ministro Fernando Medina, através da Assembleia da República, Susana Amador, Miguel Cabrita, Rita Borges Madeira e Ricardo Lima “repudiam de forma veemente” o que consideram uma “decisão unilateral” da CGD, assinalando que nem a junta de freguesia, nem a Câmara Municipal de Odivelas foram ouvidas.

Os parlamentares socialistas apontam o “prejuízo que causa aos cidadãos, em particular aos mais idosos que recorrem a esta agência para levantar todos os meses as suas pensões”, recordando que agora têm de se dirigir ao concelho vizinho de Loures, o que se torna “complexo em termos de mobilidade”.

“Segundo o presidente da União de Freguesias [da Póvoa de Santo Adrião e de Olival Basto], Rogério Breia, a concretizar-se este encerramento, o Olival de Basto e a Póvoa ficarão só com um banco [BPI], quando em tempos chegaram a ter sete balcões”, indicam os deputados, apontando ainda o anúncio pelo Sindicato dos Trabalhadores das Empresas do Grupo CGD (STEC) de que a administração do banco público pretende “encerrar mais 23 agências em Portugal continental” este mês.

Os deputados socialistas pedem a Fernando Medina que esclareça se “a administração da CGD fez algum estudo que sustente o encerramento do balcão da Póvoa de Sto. Adrião, em que pressupostos assenta tal estudo e qual a razão para encerrar este balcão único”.

Este quatro deputados do PS pretendem ainda saber “se já foi instada a administração da CGD a rever esta decisão de encerramento do balcão da Póvoa de Santo Adrião”, assim como “que resposta e esclarecimentos foram dados” à Câmara Municipal de Odivelas e à junta de freguesia.

Cerca de meia centena de pessoas manifestaram-se, na quinta-feira, contra o fecho, a partir da próxima segunda-feira, da agência da Caixa Geral de Depósitos (CGD) na Póvoa de Santo Adrião, no concelho de Odivelas.

Os idosos serão os mais afetados com o encerramento e, segundo o presidente da União de Freguesias da Póvoa de Santo Adrião e de Olival Basto, Rogério Breia, cerca de 180 pessoas levantam todos os meses as pensões naquela agência.

Os clientes têm agora de se deslocar a outras agências e as mais próximas são no centro de Odivelas e em Santo António dos Cavaleiros, no concelho de Loures.

JPS (GYM)//CFF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS