Cortes de eletricidade na Moldova após ataques russos à Ucrânia

A Moldova registou hoje “enormes cortes de eletricidade em todo o país”, depois dos ataques militares russos às infraestruturas energéticas da Ucrânia terem deitado abaixo um importante cabo de energia que alimenta a nação, indicou um responsável.

Cortes de eletricidade na Moldova após ataques russos à Ucrânia

Cortes de eletricidade na Moldova após ataques russos à Ucrânia

A Moldova registou hoje “enormes cortes de eletricidade em todo o país”, depois dos ataques militares russos às infraestruturas energéticas da Ucrânia terem deitado abaixo um importante cabo de energia que alimenta a nação, indicou um responsável.

“Na sequência do bombardeamento russo ao sistema de produção de energia elétrica ucraniano, na última hora, um dos cabos elétricos que assegura o fornecimento de eletricidade ao nosso país foi desligado”, declarou o ministro das Infraestruturas moldovo, Andrei Spinu, num comunicado.

“Isso levou a enormes cortes de eletricidade em todo o país”, frisou.

Spinu observou que os cabos elétricos derrubados “não ficaram danificados, mas foram automaticamente desligados, como medida de segurança”.

Segundo o ministro, a empresa abastecedora, a Moldelectrica, está a trabalhar para repor a eletricidade, e os cidadãos moldovos serão mantidos a par da situação.

De acordo com a Força Aérea ucraniana, a Rússia, que iniciou uma ofensiva na Ucrânia a 24 de fevereiro deste ano, disparou hoje sobre as infraestruturas de produção de energia elétrica de várias regiões ucranianas “cerca de” 100 mísseis, causando cortes de eletricidade em boa parte do país, além de ter atingido igualmente zonas residenciais e feito pelo menos um morto na capital ucraniana, Kiev.

ANC // SCA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS