Confusão no centro de Barcelona com bombeiros a apagar pequenos fogos

Os bombeiros estão hoje a tentar apagar vários pequenos fogos que grupos de jovens encapuçados atearam com cadeiras e mesas das esplanadas de cafés e restaurantes do centro de Barcelona na quarta noite de incidentes na Catalunha.

Confusão no centro de Barcelona com bombeiros a apagar pequenos fogos

Confusão no centro de Barcelona com bombeiros a apagar pequenos fogos

Os bombeiros estão hoje a tentar apagar vários pequenos fogos que grupos de jovens encapuçados atearam com cadeiras e mesas das esplanadas de cafés e restaurantes do centro de Barcelona na quarta noite de incidentes na Catalunha.

Ao mesmo tempo, a polícia regional (Mossos d’Esquadra) tenta separar grupos de radicais, uns de esquerda (independentistas) outros de direita (unionistas), que se tinham concentrado a uma distância de cerca de três quilómetros uns dos outros.

A manifestação principal, de independentistas, que assim como nos dias anteriores protestavam contra as condenações dos seus dirigentes políticos, tinha começado às 19:00 (18:00 de Lisboa) e decorreu de forma muito pacífica até cerca das 22:00.

Os distúrbios começaram em seguida, quando a polícia estava a tentar travar um grupo de extrema-direita de se aproximar da manifestação de separatistas que se estava a desfazer.

A confusão foi generalizada, com jovens independentistas a fazerem pequenas barricadas em várias ruas e a começarem a acender fogueiras que os bombeiros tentavam apagar.

Nalguns casos eram os próprios habitantes dos prédios adjacentes que atiravam água para apagar os incêndios que consumiam principalmente o mobiliário das esplanadas de cafés e restaurantes.

A jornada também foi marcada pela agressão por parte dos radicais que defendem a unidade de Espanha a um jovem que caiu ao chão depois ter recebido golpes com um pau.

Apesar da confusão, a quarta noite de distúrbios na Catalunha parece não ter as proporções das noites anteriores, mas ainda é incerto como é que o dia vai acabar.

Grupos radicais separatistas já tinham lançado na noite de quarta-feira, pelo terceiro dia consecutivo, ações violentas contra a polícia catalã, transformando o centro de Barcelona num campo de batalha com várias avenidas cortadas e fogueiras em vários locais.

Os movimentos de protesto começaram na segunda-feira, depois ser conhecida a sentença contra os principais políticos catalães responsáveis pela tentativa de independência em outubro de 2017.

Os juízes decidiram condenar nove deles a penas até 13 anos de prisão por delitos de sedição e peculato.

Depois do anúncio da sentença, os independentistas fizeram cortes de estradas e de vias de caminho-de-ferro um pouco por toda a Catalunha.

Logo na noite de segunda-feira houve manifestações em redor do aeroporto internacional de Barcelona seguidas de ações de grupo violentos e na noite seguinte a mobilização mudou-se para o centro de Barcelona.

FPB // SR

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS