Cerca de 55 mil estrangeiros interessados em trabalhar em Portugal

A ministra do Trabalho anunciou hoje que “cerca de 55 mil trabalhadores” estrangeiros manifestaram interesse em entrar e permanecer em Portugal para procurar emprego, através da página do IEFP criada para esse efeito.

Cerca de 55 mil estrangeiros interessados em trabalhar em Portugal

Cerca de 55 mil estrangeiros interessados em trabalhar em Portugal

A ministra do Trabalho anunciou hoje que “cerca de 55 mil trabalhadores” estrangeiros manifestaram interesse em entrar e permanecer em Portugal para procurar emprego, através da página do IEFP criada para esse efeito.

Os dados foram avançados pela ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, durante uma audição na Comissão de Orçamento e Finanças no âmbito da discussão na especialidade da proposta de Orçamento do Estado para 2023 (OE2023).

Segundo Ana Mendes Godinho, até agora “cerca de 55 mil trabalhadores” registaram-se na página do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) a manifestar interesse em procurar emprego em Portugal, sublinhando que são trabalhadores “determinantes” para o mercado de trabalho em Portugal e para as contribuições da Segurança Social.

Em outubro, também numa audição na comissão de Orçamento e Finanças, a ministra do Trabalho indicou que o número de trabalhadores estrangeiros por conta de outrem com remunerações declaradas à Segurança Social atingiu os 530 mil, representando 12% do total dos inscritos.

Segundo a governante, o número de trabalhadores declarados à Segurança Social atingiu recordes este ano, com cerca de 4,9 milhões de pessoas.

Ana Mendes Godinho salientou a “evolução extraordinária desde 2015” quanto aos trabalhadores estrangeiros que declaram remunerações à Segurança Social, indicando que em 2015 existiam “110 mil pessoas estrangeiras a contribuírem para o sistema” de Segurança Social e em 2022 esse número é de 530 mil.

DF/SV // JNM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS