CDS/Congresso: PSD diz que eventual estratégia com CDS-PP dependerá dos seus líderes

O vice-presidente do PSD Salvador Malheiro afirmou hoje, no 29.º Congresso do CDS-PP, que uma eventual estratégia entre estes dois partidos no futuro dependerá dos seus líderes.

CDS/Congresso: PSD diz que eventual estratégia com CDS-PP dependerá dos seus líderes

CDS/Congresso: PSD diz que eventual estratégia com CDS-PP dependerá dos seus líderes

O vice-presidente do PSD Salvador Malheiro afirmou hoje, no 29.º Congresso do CDS-PP, que uma eventual estratégia entre estes dois partidos no futuro dependerá dos seus líderes.

“O futuro a Deus pertence. O CDS-PP é um aliado natural do PSD, neste momento, o CDS-PP tem a sua casa arrumada e o PSD ira tê-la dentro de algumas semanas e, depois aí sim, a estratégia conjunta a acontecer depende dos seus líderes, disse o social-democrata aos jornalistas no encerramento do 29.º Congresso do CDS-PP, em Guimarães, no distrito do Porto.

Em nome do PSD, o social-democrata desejou boa sorte ao CDS-PP que tem, a partir de hoje como líder o eurodeputado Nuno Melo, frisando que a democracia portuguesa precisa daquele partido.

“É um partido responsável, reformista, com história, com excelentes quadros, com implementação nacional, até em contraponto com outras forças de direita populistas e menos responsáveis”, sublinhou Salvador Malheiro.

Por esse motivo, o vice-presidente do PSD espera que o CDS-PP se possa reinventar e virar a página “muito negra”.

Questionado sobre a futura liderança do PSD, Salvador Malheiro reafirmou que, enquanto vice-presidente do atual presidente Rui Rio e solidário com toda a sua estratégia, não irá apoiar publicamente ninguém, nem irá estar disponível para fazer parte dos órgãos nacionais.

“Rui Rio saindo eu também saio”, sublinhou.

SVF // SF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS