Boris Johnson garante que apoio à Ucrânia não diminui após a sua sucessão

O primeiro-ministro demissionário do Reino Unido, Boris Johnson, garantiu hoje ao presidente ucraniano Volodymyr Zelensky que o apoio do país à Ucrânia não irá diminuir, independentemente de quem seja o seu sucessor, segundo fonte de Downing Street.

Boris Johnson garante que apoio à Ucrânia não diminui após a sua sucessão

Boris Johnson garante que apoio à Ucrânia não diminui após a sua sucessão

O primeiro-ministro demissionário do Reino Unido, Boris Johnson, garantiu hoje ao presidente ucraniano Volodymyr Zelensky que o apoio do país à Ucrânia não irá diminuir, independentemente de quem seja o seu sucessor, segundo fonte de Downing Street.

“Boris Johnson frisou a determinação permanente do Reino Unido no apoio ao povo da Ucrânia e afirmou que essa determinação não diminuirá, qualquer que seja o próximo primeiro-ministro britânico”, revelou um porta-voz do Governo.

Hoje mesmo, Zelensky agradeceu a Johnson, por telefone, as suas declarações durante o seu último debate com os deputados no Parlamento britânico, durante o qual insistiu na necessidade de perpetuar o apoio à Ucrânia, entre outros conselhos aos seus potenciais sucessores.

Johnson, um dos mais veementes apoiantes de Zelensky após a invasão russa à Ucrânia, anunciou há duas semanas a sua demissão da liderança do partido conservador.

Os dois candidatos que concorrem para a sua sucessão, a ministra dos Assuntos Estrangeiros, Liz Truss, e o ex-ministro das Finanças, Rishi Sunak, já garantiram que darão seguimento à política do primeiro-ministro cessante nesse campo.

 

SYL // RBF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS