Autárquicas: Cancela Moura lidera coligação PSD/CDS-PP/PPM a Vila Nova de Gaia

O presidente do PSD de Vila Nova de Gaia, Cancela Moura, é o candidato da coligação PSD/CDS-PP/PPM à câmara municipal nas próximas eleições autárquicas, em substituição do ex-selecionador nacional António Oliveira, que desistiu da corrida eleitoral.

Autárquicas: Cancela Moura lidera coligação PSD/CDS-PP/PPM a Vila Nova de Gaia

Autárquicas: Cancela Moura lidera coligação PSD/CDS-PP/PPM a Vila Nova de Gaia

O presidente do PSD de Vila Nova de Gaia, Cancela Moura, é o candidato da coligação PSD/CDS-PP/PPM à câmara municipal nas próximas eleições autárquicas, em substituição do ex-selecionador nacional António Oliveira, que desistiu da corrida eleitoral.

O nome de Cancela Moura, que acusou António Oliveira de “falta de caráter” aquando da sua desistência, foi aprovado hoje pela Comissão Política Distrital do PSD do Porto.

“Só alguém com enorme nobreza de caráter, muita coragem e um elevado sentido de missão aceitaria, nas atuais circunstâncias, o desafio de ser candidato. Só alguém com tão grande sentido de responsabilidade poderia sacrificar-se para, em nome dos gaienses, da sua terra e da causa pública, aceitar este desafio”, referiu o PSD do Porto, em comunicado.

Para além de uma “prestação cívica de grande resiliência”, Cancela Moura, que é vereador da oposição na Câmara de Gaia liderada pelo socialista Eduardo Vítor Rodrigues, é apresentado como “homem de causas e profundo conhecedor do concelho, um exemplo de proximidade com as instituições e com as pessoas, com provas de trabalho dadas e com reconhecida competência”, sublinhou o partido.

“As circunstâncias em que Cancela Moura é designado como candidato determinaram que, num momento tão difícil — estas serão provavelmente as eleições mais difíceis de toda a nossa democracia — deitássemos mão de um ativo de qualidade, orientado por valores éticos inequívocos e que é também uma reserva moral do partido, para protagonizar uma candidatura à altura da responsabilidade de construir, com os gaienses, um projeto político alternativo à atual maioria municipal”, vincou o PSD do Porto.

António Oliveira anunciou, a 18 de junho, ter desistido “por uma questão de higiene” da corrida às eleições autárquicas, recusando pôr os “interesses de uns personagens” à frente dos interesses da população, revelou em carta aberta e a que a Lusa teve acesso.

Na missiva, o ex-selecionador nacional de futebol teceu duras críticas à concelhia liderada por Cancela Moura, assumindo que nunca pensou que a política e os partidos, “quando se deixam apropriar por alguns, ainda que localmente, pudessem descer a um nível tão baixo e tão miserável”.

Três dias depois, numa conferência de imprensa para reagir à decisão de António Oliveira, o presidente do PSD/Porto disse que a escolha de António Oliveira para encabeçar a candidatura à Câmara de Gaia foi “um erro de ‘casting'”, pelo que encarou a sua desistência com “algum alívio”.

Presente na mesma conferência de imprensa, o presidente do PSD de Vila Nova de Gaia acusou o ex-selecionador nacional de “falta de caráter”, admitindo que esta situação “tem consequências para o PSD”.

O nome do ex-selecionador nacional foi aprovado na reunião da Comissão Política Distrital Alargada do PSD, que decorreu em 22 de março em Seroa, em Paços de Ferreira, e anunciado publicamente no dia seguinte pelo presidente do PSD, Rui Rio.

Aquando do anúncio, Rui Rio disse que António Oliveira tinha o “perfil adequado” para liderar a Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia.

Até agora foram oficializadas à Câmara de Vila Nova de Gaia, no distrito do Porto, as candidaturas da deputada da Assembleia da República Diana Ferreira (CDU), do engenheiro civil Renato Soeiro (BE) e a do gestor Alcides Couto (Chega).

A Câmara de Vila Nova de Gaia é atualmente liderada pelo PS que conquistou, nas autárquicas de 2017, nove mandatos, sendo oposição no executivo o PSD com dois eleitos.

As eleições autárquicas estão marcadas para 26 de setembro.

SVF (PFT/VSYM) //RBF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS