Associação assinala os 45 anos da revolução do 25 de Abril com ciclo de conferências

Associação assinala os 45 anos da revolução do 25 de Abril com ciclo de conferências

A Associação 25 de Abril inicia na sexta-feira um ciclo de conferências que visam assinalar os 45 anos da revolução portuguesa de 1974, iniciativa que contará com a presença do primeiro-ministro, António Costa, foi hoje divulgado.

“25 de Abril, Identidade, Memória e Novas Lutas pelo Futuro”, é o título da conferência que decorrerá na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e que também contará com intervenções do antigo presidente da Assembleia da República Mota Amaral e dos historiadores Pacheco Pereira, Fernando Rosas e Maria Manuela Cruzeiro.

Segundo um comunicado da Associação 25 de Abril, é hoje consensual que a revolução dos cravos, que terminou com quase meio século de ditadura em Portugal, foi “um ato único na história universal, [e que] contribuiu decisivamente para a afirmação de Portugal no conceito das nações”.

A associação justifica a iniciativa afirmando que, passados 45 anos, o objetivo é debater se o 25 de Abril se mantém como “fator de consciencialização e valorização do ser português”.

“Decorridos 45 anos sobre o derrube de uma ditadura de quase meio século — com todas as condições e consequências daí decorrentes — de que identidade nacional podemos falar hoje, num tempo em que regressam, um pouco por todo o mundo, afirmações nacionalistas e identitárias?”, questiona a associação.

As restantes conferências decorrerão em abril e maio.

A segunda sessão deste ciclo de conferências vai realizar-se na sede da Associação 25 de Abril (Lisboa) a 03 de abril e terá como lema “Memória(s) de Abril”.

A 06 de maio decorrerá a última conferência, de novo na Fundação Calouste Gulbenkian, com o tema “Europa, as novas lutas pelo futuro”.

ZO // LIL

By Impala News / Lusa

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Associação assinala os 45 anos da revolução do 25 de Abril com ciclo de conferências

A Associação 25 de Abril inicia na sexta-feira um ciclo de conferências que visam assinalar os 45 anos da revolução portuguesa de 1974, iniciativa que contará com a presença do primeiro-ministro, António Costa, foi hoje divulgado.