André Silva anuncia que sai de porta-voz do PAN, do parlamento e da vida política

O porta-voz do PAN anunciou que vai abandonar as suas funções executivas no partido e o lugar no parlamento, invocando motivos pessoais e a defesa do princípio da limitação de mandatos.

André Silva anuncia que sai de porta-voz do PAN, do parlamento e da vida política

André Silva anuncia que sai de porta-voz do PAN, do parlamento e da vida política

O porta-voz do PAN anunciou que vai abandonar as suas funções executivas no partido e o lugar no parlamento, invocando motivos pessoais e a defesa do princípio da limitação de mandatos.

O porta-voz do PAN, André Silva, anunciou hoje que vai abandonar as suas funções executivas no partido e o lugar de deputado no parlamento, invocando motivos pessoais e a defesa do princípio da limitação de mandatos.

“Volvidos vários anos de intenso trabalho e de uma magnífica experiência cívica e pessoal, decidi não me recandidatar aos órgãos nacionais do partido”, escreveu André Silva numa carta que dirigiu aos militantes do PAN e que publicou na sua página pessoal no Facebook.

Na carta, o porta-voz do PAN considera que “chegou a hora de mudar” e refere que, tendo sido pai há 5 meses, entende que deve “apanhar o comboio da paternidade para materializar valores” que considera essenciais nas esferas privada e pública.

“Além de pretender equilibrar a minha vida pessoal e familiar com a vida profissional, carrego a forte convicção de que numa democracia saudável as pessoas não devem eternizar-se nos cargos, devendo dar oportunidade a outras. Ou seja, como muitos sabem, defendo a limitação de todos os mandatos políticos, sejam eles partidários ou em órgãos de poder institucional”, justifica.

Face a estes motivos, André Silva diz que entendeu não se recandidatar a um novo mandato na Comissão Política Nacional do PAN, “deixando todos os cargos de direção partidária”.

“Vou-me embora tendo presente o patamar de notoriedade atingido pelo partido, bem como as aptidões de ação política e de disputa eleitoral autónoma que adquiriu nos últimos anos. Por tudo isto e por toda a mudança que quero que tenha lugar na minha vida, resolvi também renunciar ao mandato de deputado à Assembleia da República, com efeito na data de realização do nosso congresso no mês de Junho, cumprindo assim meia legislatura e fechando um ciclo pessoal e da vida do partido”, acrescenta.

 

 

LEIA AINDA
Pai assiste à morte do filho de cinco anos durante passeio
Pai assiste à morte do filho de cinco anos durante passeio
Um menino de cinco anos morreu na manhã deste domingo após ser atropelado por um motociclo numa estrada de terra batida, perto da praça de touros de Portalegre. O pai estava presente e assistiu a tudo. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS