Maddie: As pistas da polícia que vão resolver o Caso

Na semana passada, os pais de Maddie McCann reuniram-se com a Polícia inglesa para discutir duas novas pistas promissoras no caso da menina desaparecida em 2007.

Detetives da Polícia britânica reuniram-se na semana passada com os pais de Maddie Mcann. Nesse encontro, confirmaram que estão a seguir duas novas pistas que poderão vir a resolver o caso aberto desde 2007. Depois de ter sido confirmado o reforço monetário de 169 mil euros para auxiliar a fase final de inquérito, surgem agora novas indicações de que poderá estar para breve a resolução de um caso mediático que fez correr muita tinta, tanto em Portugal como no Reino Unido e um pouco por todo o Mundo.

LEIA MAIS: «Se vão investir nas buscas por Maddie, que o façam com todas as outras crianças desaparecidas»

Reunião promissora e com novidades sobre o Caso

Na reunião entre a Scotland Yard e Gerry e Kate McCann, a Polícia informou que estavam a seguir duas pistas «específicas e activas». E que poderiam deslindar o que realmente se passou no dia 3 de maio de 2007, na Praia da Luz. As autoridades «informaram que tinham duas pistas específicas e activas que ainda necessitavam de ser trabalhadas e que, apesar de a investigação estar a demorar mais do que seria o inicialmente previsto, estavam confiantes e esperançosos de que conseguissem obter resultados».

LEIA MAIS: Pais combinam código e impedem rapto da filha de 11 anos

As pistas que estão a ser seguidas pelas autoridades britânicas estão a ser mantidas em completo segredo, de forma a não alertar qualquer suspeito. Mas fontes ligadas à Scotland Yard revelam que a peça que falta no puzzle pode ser uma mulher de roxo vista perto do apartamento alugado pelos McCann na Praia da Luz

Aumento de fundos para descobrir onde está Maddie

O novo reforço financeiro de aproximadamente 170 mil euros eleva para perto de 13,5 milhões de euros o montante gasto ao longo da investigação da Scotland Yard. Um oficial do governo de Theresa May menciona que «a Polícia procurou garantir novos fundos para a investigação e teve de justificar precisamente onde o dinheiro iria ser gasto, quem estão a investigar e porquê». Nesta medida, «estará para breve» a resolução de um caso mediático cheio de porquês, mas com muito poucas respostas. Este fundo irá manter as investigações activas até março de 2019.

LEIA MAIS: Matar uma criança de 2 anos aos 10 «foi o melhor que me aconteceu»

Pais de Madeleine encontram-se esperançosos

O porta-voz da família McCann, Clarence Mitchell, comenta estas novidades e afirma que os pais se encontram «encorajados por a Polícia ainda acreditar que existe trabalho a ser feito na procura pela sua filha». E que estão «incrivelmente gratos para com o Ministério Público inglês por este fornecer um orçamento extra para a investigação». Trata-se, acrescenta Mitchell, de «um estímulo à família que dá a esperança renovada de que, um dia, finalmente percebam o que se passou com Madeleine». Maddie Mccann, a encontrar-se viva, terá agora 15 anos.

Jovem estudante de Manchester assegura: «Eu sou Madeleine McCann»

 

Texto: Vítor Miguel Gonçalves | WIN

 

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Maddie: As pistas da polícia que vão resolver o Caso

Na semana passada, os pais de Maddie McCann reuniram-se com a Polícia inglesa para discutir duas novas pistas promissoras no caso da menina desaparecida em 2007.