Pais matam filho de 4 anos em água a escaldar porque entornou cereais

Escaldaram o filho até à morte porque este derramou os cereais

Pais matam filho de 4 anos em água a escaldar porque entornou cereais

Escaldaram o filho até à morte porque este derramou os cereais

Dificilmente uma história como esta nos passa ao lado. Uma mulher grávida, Lisa Smith, e o namorado, Keiff King, estão a ser acusados de terem agredido violentamente o filho, de quatro anos, e de o terem colocado numa banheira de água a ferver até à morte. Lisa e Keiff, os pais do menino, vivem em Willow Grove, perto de Filadélfia. Ligaram ao 112 quando perceberam que Tahjir não reagia. O menino morreu da sequência de uma série de maus-tratos. Nomeadamente, murros na cabeça, palmadas nas nádegas com uma sandália e escaldaram-no numa banheira de água a ferver.

LEIA DEPOIS

Casamento de homem de 65 anos com menina de 12 considerado legal

O casal alega que tudo não passou de um «castigo» depois de terem sido presos. O menino entornou cereais e essa foi a primeira razão para os pais o castigarem, batendo-lhe. Posteriormente, as agressões foram tão graves que a criança urinou. E foi aí que os pais o meteram na banheira até que ele deixasse de responder. Quando deixou de responder, Lisa quis ligar para o 112 de imediato, mas Keiff não concordou.

Pais da criança acusados de homicídio em primeiro grau

«Ele ainda está a respirar. Ele está bem. Ele ainda está aqui.» De acordo com o relatório da Polícia, isto foi o que disse King à mulher, quando esta achou que estavam a ir longe de mais. Lisa e Keiff foram acusados de «homicídio em primeiro grau (que são mais graves e envolvem circunstâncias especiais no que diz respeito a alvo e instrumentos do crime), ataque agravado, ameaça infantil e infracções relacionadas».

LEIA MAIS

Hospital filma reação de casais ao descobrirem que bebés são nado-mortos

Mãe usa a filha bebé para se proteger da chuva [vídeo]

Mulher esmaga a cabeça de rival no lavatório por ciúmes

Impala Instagram


RELACIONADOS