Miguel Milhão. Fundador da Prozis diz que declarações polémicas eram um plano

Miguel Milhão, fundador da Prozis, revela que declarações polémicas não passaram de um plano e que até merece um prémio de marketing.

Miguel Milhão. Fundador da Prozis diz que declarações polémicas eram um plano

Miguel Milhão. Fundador da Prozis diz que declarações polémicas eram um plano

Miguel Milhão, fundador da Prozis, revela que declarações polémicas não passaram de um plano e que até merece um prémio de marketing.

É um dos temas mais controversos das últimas semanas, mas tudo não terá passado de “um plano” arquitetado por Miguel Milhão. Foi através de uma carta enviada ao Jornal de Negócios que o fundador da Prozis deu a conhecer aquelas que diz serem as verdadeiras intenções das “declarações incendiárias” depois de ter assumido ser um defensor da proibição do aborto nos Estados Unidos da América.

Miguel Milhão. Fundador da Prozis responde aos críticos: “Não gosto destes filhos da p***”
Miguel Milhão, fundador da Prozis, responde às pessoas que o criticam por se ter manifestado a favor da lei anti-aborto norte-americana (… continue a ler aqui)

De acordo com o empresário existiram dois objetivos: defender a liberdade de expressão e “fazer publicidade à Prozis”. No longo texto são mencionados “zombies” que não têm “capacidade de pensar” e que querem acabar com as opiniões dos outros. Bem como a “energia que nasceu” dentro de Miguel Milhão, na “mob” (multidão) que o atacou e ainda no desejo de aparentar ser “meio burro” para enganar aqueles a quem chama de zombies.

“A Prozis teve publicidade como nunca na sua história. E de graça”

Aquele que disse ser “incancelável” e que fez um paralelismo entre o aborto e um homicídio, dizendo ainda que a sua empresa não precisa do mercado português defende ter sido bem sucedido no objetivo de colocar o País “a falar na liberdade de expressão” e sobre o direito às opiniões controversas. Tal como na publicidade feita à Prozis. “A Prozis teve publicidade como nunca na sua história. E de graça. Com toda a humildade, acho que merecia um prémio de marketing. Eu calculo que o valor de publicidade conseguida esteja acima dos 10 milhões de euros”

Miguel Milhão revela ainda que ninguém sabia do seu plano. Por fim, agradece aqueles que “nunca o julgaram” e salienta que as pessoas mais próximas não lhe viraram as costas.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: DR

Impala Instagram


RELACIONADOS