ATENTADO BARCELONA: Menino dado como vivo afinal foi uma das vítimas mortais do ataque

Neste sábado, foi noticiado em todo o mundo que Julian Cadman sobreviveu ao atentado terrorista em Barcelona. No entanto, a polícia catalã confirmou a morte da criança. à BBC e ao El País. O menino australiano tinha sete anos e é um dos 13 mortos nas Ramblas.

ATENTADO BARCELONA: Menino dado como vivo afinal foi uma das vítimas mortais do ataque

ATENTADO BARCELONA: Menino dado como vivo afinal foi uma das vítimas mortais do ataque

Neste sábado, foi noticiado em todo o mundo que Julian Cadman sobreviveu ao atentado terrorista em Barcelona. No entanto, a polícia catalã confirmou a morte da criança. à BBC e ao El País. O menino australiano tinha sete anos e é um dos 13 mortos nas Ramblas.

A notícia comoveu o mundo pela positiva mas, infelizmente, o pior aconteceu para o menino que se encontrava desaparecido. Julian Cadman morreu. O menino já era uma das 13 vítimas mortais do ataque nas Ramblas, em Barcelona, ocorrido esta quinta-feira, 17 de agosto. O óbito foi confirmado pela polícia e proteção civil catalãs, mas estas terão recusado dar informações sobre o estado de saúde do menino. Daí, surgiu a feliz notícia de que o menino estaria vivo e hospitalizado com ferimentos ligeiros.

Julian Cadman estava na capital da Catalunha com a mãe, que se encontra ainda em estado grave no hospital, mas estável. A progenitora e o filho iriam marcar presença num casamento. O menino tem dupla nacionalidade: britânica e australiana. O pai de Julian já se encontra em Barcelona, com a tia do menino, que tinha lançado um apelo nas redes sociais para encontrar o sobrinho.

Fotos: DR

Leia também:


Impala Instagram


RELACIONADOS